Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Últimos dias da exposição Anima Latente na Galeria Fernanda Monteiro - veja a coluna de José Simões

Fotos: Fábio Florentino
Postado em: 18/05/2021

Compartilhe esta notícia:

SOROCABA/ ARTES VISUAIS – Você tem até dia 20 de junho para visitar presencialmente a exposição ANIMA LATENTE de Silvana Sarti e Fábio Florentino, na Galeria de Arte Fernanda Monteiro.

Na exposição ANIMA LATENTE: uma alegoria da Alma Vegetal - a artista integra-se com a vegetação do bosque, mostrando que não há divisão entre homem e natureza. A escultura de Bernini, Apolo e Dafne, serve de referência estética para o trabalho. As fotos são de Fábio Florentino feitas em Iperó São Paulo.

Nesta exposição o corpo/imagem de Silvana Sarti pela lente de Fabio Florentino evocam forças ancestrais na relação com a natureza. Uma visão da alma de todas coisas num mundo tomado pela agonia civilizatória. O resultado da fotoperformance é potente e provocador.

É possível também ver o trabalho dos artistas, de modo online no youtube https://youtu.be/qzgS3-sqv0c

 

Anima Latente: Alegoria da Alma Vegetal

Artistas: Silvana Sarti e Fábio Florentino

Curadoria: Fernanda Monteiro

Vídeo: Fernanda Monteiro

Fotos: Fábio Florentino

Folder de abertura e calendário: Matsunaga Design

Edição de vídeo: René Medici Rhinow

Música: Giuseppe Laudanna

Poesias: Francesco Bari

Idealização e realização: Fernanda Monteiro Atelier e Galeria de Arte

R. Gustavo Teixeira, 600 - Vila Independencia, Sorocaba - SP, 18040-323

 

José Simões é professor e crítico teatral

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Conta de luz deve subir com reajuste acima de 20% na bandeira vermelha

Cartões da Urbes terão pagamento de tarifa por QR Code e reconhecimento facial

Celular ligado na tomada em cima de colchão causa incêndio em casa

Lava Jato mira ex-executivos da Odebrecht suspeitos de pagar propina a petistas

Doria anuncia que presos poderão fazer videochamadas com familiares a partir de sábado

Polícia resgata 20 cães vítimas de maus-tratos e multa mulher em R$ 60 mil