Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Prefeitura renova convênio com o BOS para manter a UPA do Éden até 14 de janeiro

Agência Sorocaba
Postado em: 14/07/2020

Compartilhe esta notícia:

A prefeita de Sorocaba, Jaqueline Coutinho, renovou na tarde desta terça-feira (14), por mais seis meses, o convênio com o Banco de Olhos de Sorocaba (BOS) para manutenção do serviço realizado na UPA (Unidade Pronto Atendimento) do Éden. A renovação ocorreu em reunião realizada no gabinete da chefe do Executivo sorocabano e contou com a presença do presidente do BOS, Pascoal Martinez Munhoz, e do diretor-financeiro da entidade, Sérgio Gabriel.

Durante o encontro Jaqueline apresentou um balanço do atual cenário financeiro pelo qual atravessa o município. Diante de uma queda significativa de arrecadação, ocasionada pela pandemia do corovavírus, a prefeita destacou a necessidade e a importância dessa renovação de contrato, de modo a que a população de Sorocaba não fique desguarnecida.  “O BOS presta um serviço de excelência à população, não apenas por meio do Hospital Oftalmológico, mas através da UPA do Éden. E, para nós, é fundamental que esse atendimento continue”, destacou a prefeita.

Já o presidente do o BOS, Pascoal Martinez Munhoz, elogiou a administração municipal pela transparência nas negociações para a continuidade da prestação dos serviços. O valor do convênio vigente, até então, era de R$ 28.172.767,20 para 12 meses. O novo convênio que passa a vigorar a partir desta quarta-feira (15) será por um período de seis meses.

A unidade mantém clínicos gerais; pediatras; nutricionista, assistente social e ouvidoria. O espaço conta com cinco consultórios para adultos; dois consultórios de pediatria; salas de observação; postos de enfermagem; sala para assistente social, arquivo médico e raio-x e sala de esterilização, entre outros espaços administrativos e operacionais. Há 14 leitos de observação e quatro de emergência garantindo assistência ao munícipe daquela região e da adjacência.

Também participaram do encontro os secretários de Governo, José Marcos Gomes Júnior; Saúde, Ademir Watanabe; Relações Institucionais e Metropolitanas, Maurício Mota; da Fazenda, Fábio Martins e o titular da Secretaria Jurídica, Gabriel Abizaid David, além do controlador-geral do município, Fábio Ricardo Scaglione França.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Os desafios dos jovens de Sorocaba no mundo - veja a coluna semanal de Vanderlei Testa

Educação vai entregar 28 ônibus escolares para a região; nenhum será de Sorocaba 

Ministério Público entra com ação contra Crespo e ex-secretários por improbidade administrativa

Saae Sorocaba identifica local de despejo de produto químico que poluiu lago no Campolim

Procuradoria pede justificativa para cancelamento da compra da Coronavac por Bolsonaro

Pré-candidato a prefeito, Flaviano Lima buscará inovar gestão e repensar Sorocaba