Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Bolsonaro sofre acidente doméstico, é levado para hospital e ficará em observação

Postado em: 24/12/2019

Compartilhe esta notícia:

FOLHAPRESS

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) sofreu uma queda no Palácio da Alvorada e foi levado na noite desta segunda-feira (23) para o Hospital das Forças Armadas, no setor Sudoeste, em Brasília. 

De acordo com nota divulgada por volta das 23h, Bolsonaro foi atendido pela equipe médica da Presidência e, depois, levado ao hospital para exames.

"Foi submetido ao exame de tomografia computadorizada do crânio, que não detectou alterações."

Ainda de acordo com o Planalto, Bolsonaro ficará em observação no hospital por um período de seis a doze horas.

Segundo relatos não oficiais, a queda teria se dado em um dos banheiros do palácio.

O ministro do GSI (Gabinete de Segurança Institucional), Augusto Heleno, chegou ao hospital um pouco depois do comboio presidencial. Segundo ele, a queda "não foi nada de mais" e o presidente "está bem". Heleno afirmou que Bolsonaro deve dormir na unidade médica nesta noite.

Saúde do Presidente

Bolsonaro tem adotado cautela com a sua saúde desde que assumiu o cargo. Em janeiro, estava marcada viagem dele para a Antártida, que cancelou por recomendações médicas.

Ele também foi convencido por seu médico particular a não pular de paraquedas no ano passado, em Goiás. 
A saúde do presidente inspira cuidados desde que ele foi vítima de um ataque à faca, em setembro de 2018, durante um ato de campanha em Minas. Desde então, Bolsonaro já passou por quatro cirurgias.

Após passar por exames no último dia 11, o presidente disse que poderia ter câncer de pele. No dia seguinte, acusou a imprensa de fazer fake news com o caso.

Em entrevista no último sábado (21), Bolsonaro afirmou que o resultado da biópsia afastou a possibilidade de ele ter a doença.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Campolim terá abastecimento de água interrompido para a instalação de válvula reguladora

PF aponta operações suspeitas de Salles em escritório com a mãe durante governo Bolsonaro

Eloy não prestará depoimento à comissão que investiga suposto crime de Crespo

Ludmilla responde comentário homofóbico em foto com namorada

Coronavírus já infectou mais de 8 milhões de pessoas no mundo

Dicas de memorização é tema de live da UNIP nesta quarta-feira