Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Vereadora denuncia suposto assédio sexual envolvendo o ex-titular da Educação

Postado em: 13/09/2018

Compartilhe esta notícia:

Atualizada às 18h50 de 20/09/18

Por Cida Muniz

A vereadora Fernanda Garcia (PSOL) usou a tribuna, durante a sessão extraordinária da Câmara Municipal de Sorocaba, para dizer que recebeu denúncias em seu gabinete sobre suposto assédio sexual do ex-secretário da Educação, Mário Bastos.

O requerimento aprovado nesta quinta-feira (13), de autoria da vereadora, solicita informações da Corregedoria-Geral do Município, cópia da denúncia enviada ao órgão e também cópia do processo administrativo instalado.

Ainda no requerimento, Fernanda lembra que o prefeito José Crespo (DEM) exonerou Bastos, afirmando “quebra de confiança” e que o pedido de investigação à Corregedoria fez com que fosse instaurado o processo administrativo em consequência disso.

O vereador Irineu Toledo (PRB), líder do governo, se pronunciou, afirmando que está certo o procedimento investigativo, “mas que não se deve julgar antes da apuração”.

Em entrevista ao Ipa Online, Fernanda destacou as denúncias que chegaram ao seu gabinete, sendo que a fonte está sendo preservada.

Segundo apurou a reportagem, numa das denúncias formalizadas à Corregedoria está o suposto assédio a uma menor de 16 anos dentro da própria Prefeitura. Há também informações sobre o ex-secretário circulando por redes sociais.

Em contato com a reportagem, Mário Bastos disse estar “surpreso” com a repercussão da vereadora sobre as supostas denúncias e afirmou “não ter tido nenhum contato com menores” durante a gestão à frente das pastas que administrou no Paço, entre elas a de Recursos Humanos e Educação.

Ele falou, ainda, “desconhecer” o teor do material que está com a Corregedoria, enfatizando estar “tranquilo” com relação às suposições que vêm sendo feitas sobre ele.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Acesso ao pontilhão da Chave será interditado na próxima segunda-feira (14)

Crespo e secretária visitam UPH da ZN antes do início da terceirização da saúde

Retorno obrigatório das aulas presenciais em SP reforça disparidades entre redes pública e privada

Normalização do home office abre caminho para o nomadismo digital

Nascido em janeiro pode atualizar dados no Caixa Tem a partir deste domingo

Bolsonaro diz que usará a caneta contra integrantes do governo que viraram estrelas