20 de Junho de 2024
Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Treinar o foco nas coisas positivas ajuda Sorocaba e o leitor a viver melhor na “Terra Rasgada”

Arte: VT
Postado em: 07/07/2023

Compartilhe esta notícia:

Quando acordamos, tomamos café da manhã, vestimos nossa roupa para sair e ligamos o carro rumo ao destino planejado e colocamos foco nas atividades do dia. Já àqueles que ficam em casa sem compromissos, o foco passa a ser limitado nas coisas corriqueiras da rotina. O que interessa na verdade, é treinar a mente e o foco nas coisas positivas. “Como assim”, me disse uma jovem quando contei a ela o que iria escrever esta semana aos leitores do jornal Ipanema. 

Entra aí uma reflexão sobre o que é positivo ou negativo. Nem sempre o positivo é o vencedor de nossas metas. O negativo vive camuflado de positivo para nos enganar. Exemplo disso é a pessoa que vai ao banco sacar o seu saldo positivo da conta e, em seguida, gasta sem pensar em baboseiras nas lojinhas, fica sem dinheiro e com um monte de tranqueiras nas gavetas. Têm muitas lojas no centro da cidade e na região dos shoppings de Sorocaba faturando alto com esses impulsos dos consumidores. Outro dia entrei em uma dessas lojas para observar. Os consumidores passam pelos corredores e colocam as mãos em tudo o que os atraem. Seja pelas cores ou aparência. Normalmente são produtos chineses ou de algum país coreano, com uma atração fatal aos olhos dos  clientes. E custam R$ 1,99. As cestinhas cheias dessas ofertas tentadoras me fez pensar como esses consumidores reagem em casa ao verem que não precisam ou compraram por impulso. 

Na sua casa deve ser assim também. O seu quarto repleto de pacotes, sacolinhas, gavetas cheias, fotos penduradas na parede, falta de dinheiro até para o básico, como pagar um lanche aos filhos e netos. Nilton é “um senhor flanelinha” de carros em um restaurante. Três filhos, casado, 60 anos de idade, paga aluguel e sobrevive com um quiosque de salgadinhos. Neste tempo de pós- pandemia a grana está curta no bolso do povo e as vendas caíram muito, disse Nilton, quando conversei com ele está semana. A noite vai trabalhar junto às vagas da calçada para ajudar os motoristas estacionarem. Depende de gorjetas que poucos oferecem. Ele disse que o que ganha nesse serviço ajuda a pagar o pão com margarina do dia seguinte. Voltando ao foco nas coisas positivas do título, creio que a melhor mensagem que eu poderia deixar aqui é a esperança de que as pessoas sejam mais sensíveis às notícias positivas e destaquem nas suas conversas o entusiasmo e a vontade de agir e vencer as dificuldades cotidianas. Na próxima semana começa a festa julina de Sorocaba. Uma ótima oportunidade para estar no pavilhão das entidades irradiando alegria e contribuindo para as obras assistenciais sobreviverem com as vendas dos lanches, sopas e pastéis de suas barracas. 

E também fica a dica para que no dia 5 de agosto os leitores possam estar no Teatro Municipal, prestigiando a peça teatral “Terra Rasgada”, a ser encenada pelos alunos da Associação do Amor Inclusivo-AAI. Há muito amor e dedicação nos ensaios dos artistas que estão sendo treinados pela Maria Ângela, presidente da AAI, na foto ilustrativa.  

 

Vanderlei Testa

(artigovanderleitesta@gmail.com) Jornalista e Publicitário escreve no jornal Ipanema 

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Vigilância Sanitária interdita estabelecimento do setor de alimentos na Zona Norte

Polícia apreende arma de fogo de homem que ameaçou funcionários e clientes de casa noturna

Datena confirma candidatura ao Senado na chapa de Rodrigo Garcia

Secretaria da Saúde realiza segunda ação de combate a hepatites neste sábado

Doria vê viés político e anula R$ 143 mi em convênios assinados por França em SP

Duas pessoas morrem em acidente entre carro e caminhão em rodovia