Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Sustentabilidade: primeiras placas de energia fotovoltaica são instaladas no Corredor BRT Itavuvu

Postado em: 07/02/2020

Compartilhe esta notícia:

Começou nesta semana a instalação das primeiras placas de energia fotovoltaica que alimentarão o Sistema BRT (Bus Rapid Transit). O primeiro local a receber a solução sustentável foi o Corredor BRT Itavuvu. Placas solares promovem eficiência energética, economia e redução de impactos ambientais. 

Com exceção da frota, as placas abastecerão o sistema operacional do BRT em sua totalidade: unidades administrativas e operacionais e instalações e estruturas fixas como os terminais de embarque e desembarque e pontos de parada. No total serão contemplados 3 novos terminais (Vitória Régia e os futuros terminais Nova Manchester, no Corredor Oeste, e São Bento, no Corredor Ipanema), as 28 estações, as 4 estações de integração, os 96 pontos de parada, a garagem e o Centro de Controle Operacional. 

A sustentabilidade é um aspecto fundamental do projeto BRT. A iniciativa torna a cidade pioneira no segmento de transportes de ônibus ao investir no uso de energia fotovoltaica como fonte alimentadora. “Reforçamos o nosso compromisso socioambiental e sabemos que o investimento em inovação beneficiará a todos, especialmente os usuários do transporte público que circularão pelo sistema BRT. Desde a recarga de celulares nos pontos de parada até a atualização de informações nos painéis eletrônicos das estações, todo o funcionamento do BRT contará com energia limpa como fonte alimentadora”, destaca Luiz Alexandre Massariol, Diretor de Engenharia da Concessionária BRT Sorocaba. 

Projeto BRT Sorocaba

O BRT é um sistema de mobilidade urbana moderno que oferecerá conforto, segurança e eficiência, tornando os deslocamentos mais rápidos do que os atuais.  Ele permitirá maior mobilidade devido às faixas exclusivas de ônibus, o que possibilita uma viagem com mais agilidade e que atende às necessidades da população. Outra novidade é o embarque em nível, que facilita o deslocamento de todos, em especial pessoas idosas e cadeirantes. Os passageiros terão a comodidade de acessar 28 estações preferenciais, 4 estações de integração, 3 novos terminais e 96 pontos de parada, permitindo ainda a integração com os Terminais Santo Antônio e São Paulo, com as seis áreas de transferências e a integração temporal entre diferentes linhas.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Após dizer que país está quebrado, Bolsonaro convoca reunião ministerial no Planalto

Campanha de multivacinação em Votorantim é prorrogada até o próximo dia 11

Prefeitura tenta de novo doar terreno de R$ 13 milhões para BRT; Câmara vota na 5ª

Prefeitura de Sorocaba entrega 2 mil cestas básicas a menos que o prometido nesta semana

Adolescente é preso após jogar criança de 6 anos do 10º andar da Tate Modern

Vídeo flagra colisão seguida de capotamento em avenida de Sorocaba