20 de Julho de 2024
Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Secretária de Saúde nega infestação de escorpiões e anuncia ações de combate

Postado em: 14/12/2018

Compartilhe esta notícia:

As ações de combate à proliferação de escorpiões serão intensificadas pela secretaria da Saúde (SES) com apoio das Secretarias de Conservação, Serviços Públicos e Obras (Serpo) e Meio Ambiente, Parques e Jardins (Sema) já a partir desta sexta-feira (14), por determinação do prefeito José Crespo.

O trabalho faz parte de uma força-tarefa anunciada pelas duas pastas durante entrevista coletiva no Salão de Vidro do Paço Municipal (Alto da Boa Vista), na tarde desta quinta-feira (13). Nesta sexta-feira (14), as ações de vistoria serão iniciadas pela Unidade Básica de Saúde (UBS) do Jardim Rodrigo (Zona Norte). Ao longo da próxima semana, as vistorias serão realizadas em outras regiões da cidade.

De acordo com os secretários responsáveis pelas pastas, Marina Elaine Pereira (Saúde) e Fábio Pilão (Serpo) os trabalhos serão acompanhados por equipes para a realização das vistorias em possíveis criadouros de escorpiões.

A secretária Marina Elaine Pereira declarou que não há infestação na cidade e que é preciso que a população seja parceira nesta ação. “Preciso que se conscientizem não só no controle desse animal, mas também para outros casos como o Aedes aegypti, chikungunya, febre amarela, e outros. Então, se algum munícipe tiver indícios de animal em casa, nos contate para que os agentes possam resolver o caso”, esclarece.

A partir de segunda-feira (17), será elaborado um cronograma para o começo das ações. Os locais serão definidos de acordo com as regiões de maior incidência de escorpiões neste ano. Sendo elas: Wanel Ville, Piazza di Roma, Santa Esmeralda, Terras de Arieta, Vila Amato, Pq. São Bento, Lopes de Oliveira, Brasilândia e Santa Rosália. Diante do aumento das ocorrências, as equipes intensificarão as ações de atendimento às reclamações, além de orientar a população.

A bióloga da Divisão da Zoonoses, Juliana Mome, explica o que pode ser feito para que seja evitado o aparecimento dos escorpiões nas residências. “É preciso ter cuidado com o lixo, jamais depositar em córregos e terrenos, pois isso atrai baratas e esses animais são alimentos para o escorpião. É importante verificar se há mato e entulho e removê-los, vedar fretas em portas e janelas, caixas de inspeção”, explica.

É possível, também, acionar a Zoonoses por meio do canal 156 ou pelo site da Prefeitura: http://www.sorocaba.sp.gov.br/atendimento/#/Home/Solicitacao ou ainda procurar uma das Casas do Cidadão para registrar a ocorrência. Em seguida, uma equipe técnica vai ao local, faz a inspeção da área e monitora se há criadouros do mosquito Aedes aegypti ou proliferação de escorpiões.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Quadrilha ataca bancos na Grande SP; ao menos 10 criminosos morrem

Padrasto e ‘filho’ procurados pela Justiça são detidos pela Guarda Municipal

Governo de São Paulo sanciona lei do novo salário mínimo estadual de R$ 1.550

Clínica médica é interditada por não atender padrões de higiene

Hudson Pessini tem residência invadida e vandalizada: "destruíram minha casa"; veja vídeo

Governo avalia proibir exportação de máscaras e itens de saúde por causa do coronavírus