Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Rede Municipal amplia atendimento presencial de estudantes

Foto: Bruno Rodrigues/ Secom Divulgação
Postado em: 10/08/2021

Compartilhe esta notícia:

A Secretaria da Educação (Sedu) segue ampliando, gradativamente, a capacidade de atendimento presencial dos estudantes, respeitando o distanciamento social adequado, conforme a metragem de cada sala de aula, com possibilidade de atender até 100% das turmas, com exceção de crianças com comorbidades. O retorno presencial segue sendo facultativo, isto é, os estudantes podem permanecer no ensino remoto, caso assim preferirem os pais ou responsáveis. As novas recomendações seguem a publicação do Decreto n° 65.849, de 6 de julho de 2021, do Governo do Estado de São Paulo.

 

O retorno presencial nas escolas da Rede Municipal teve início desde o dia 7 de junho, com os estudantes do Ensino Fundamental anos finais, com idades entre 11 e 14 anos, seguindo todos os protocolos sanitários de saúde e segurança preventivos à pandemia, com limite de ocupação em sala de aula, esquema de revezamento, além do modelo remoto, por meio das Atividades Não Presenciais (ANPs), como uma opção para os pais ou responsáveis que assim optarem.

 

No dia 14 de junho, retornaram os alunos pertencentes às escolas conveniadas e gestão compartilhada de Berçário, Creches l e ll, com idades de 0 a 2 anos. A modalidade Educação de Jovens e Adultos (EJA) retomou presencialmente no dia 21 de junho. Os alunos de Berçário, Creches l e ll, com idades de 0 a 2 anos, retornaram no dia 28 de junho. Por fim, no dia 19 de julho, retomaram os estudantes do Ensino Fundamental anos iniciais (6 a 10 anos), Creche III (3 anos) e Pré-escola (4 e 5 anos).

 

As unidades escolares vêm seguindo rigorosamente todos os protocolos preventivos à Covid-19, com demarcação de lugares e assentos, avisos informativos e de conscientização, distanciamento social, limitação da capacidade de ocupação, EPIs para alunos, professores e profissionais, álcool em gel disponível, entre outras medidas. “É importante salientar que desde a primeira etapa do retorno presencial não tivemos nenhum caso de contaminação, o que mostra a seriedade e a competência com que as escolas estão cumprindo os protocolos sanitários de saúde e segurança”, destaca o secretário da Educação, Marcio Carrara.

 

Uniformes escolares

 

A Sedu dará início, neste segundo semestre de 2021, ao processo de compra de uniformes escolares para todos os estudantes da Rede Municipal de Ensino de Sorocaba em 2022. Pela primeira vez na cidade, os alunos das escolas municipais receberão os uniformes gratuitamente.

 

A aquisição faz parte de um projeto que visa trazer, além do visual estético e identificação como medida de segurança, uma relação de paridade entre os alunos, uma vez que alguns possuem, em casa, poder aquisitivo para adquirir o vestuário e outros, não.

 

Supercestas

 

No dia 22 de julho, a Prefeitura de Sorocaba iniciou a entrega das supercestas de alimentos para todos os estudantes da Rede Municipal de Ensino. Elas são compostas de um pacote de arroz (5kg), três pacotes de feijão (1kg cada), um pacote de farinha de trigo (1kg), um pacote de farinha de mandioca (500g), um pacote de leite em pó (1kg), dois pacotes de macarrão parafuso (500g cada), três latas de sardinha (125g cada) e dois fracos de óleo de soja (900ml). Ao todo, são 14kg de alimentos. Se comparado com o kit que foi fornecido pela gestão municipal anterior, a supercesta deste ano apresenta um acréscimo de 112% no peso total. Cada supercesta contém quase 10 kg de alimentos a mais que os kits entregues no ano passado, suficiente para alimentar cada aluno por um período de três meses. Cada estudante receberá duas supercestas, sendo que uma já foi entregue e a outra virá até o final deste mês de agosto.

 

Além das supercestas com gêneros estocáveis, os alunos também estão recebendo gêneros hortifrútis. Os estudantes do Ensino Fundamental anos inicias e finais receberam banana, mexerica e maracujá; na Pré-escola (1 e 2) foram entregues banana e mexerica e nas Creches (Berçário, 1,2 e 3), cenoura, banana e maracujá. Ao todo, são 207,2 toneladas de hortifrútis disponíveis aos estudantes da Rede Municipal.

 

Com a entrega completa dos dois kits de gêneros estocáveis, somados aos de hortifrúti, o peso das supercestas apresenta um valor 224% maior, se comparado com o único kit entregue no ano de 2020.

 

Vigias nas escolas

 

Em outra ação positiva nas áreas da Segurança e Educação, a Prefeitura de Sorocaba anunciou, no dia 12 de julho, o início dos 200 vigias, distribuídos em 50 postos de trabalho nas escolas municipais de Sorocaba. Os profissionais atuam em quatro turnos de seis horas, que somam 24 horas de segurança, por dia.

 

A Sedu já adianta que, nos próximos meses, serão ampliados para mais de 70 os postos de trabalho de vigias na cidade. O critério de escolha das unidades escolares seguiu um levantamento feito pelo observatório de segurança pública da Secretaria de Segurança Urbana (Sesu). “Desde o início do trabalho dos vigias, não tivemos mais casos de furto em escolas. Um único episódio de tentativa de furto foi identificado pelo vigia, que rapidamente acionou a GMC, que, por sua vez, capturou o invasor”, destaca o prefeito Rodrigo Manga.

 

Além dos vigias, a atual Administração já deu início à criação do Centro de Operações Integradas (COI), sistema que unificará as informações coletadas por videomonitoramento, que serão compartilhadas com todas as forças de segurança pública do município. Com esse projeto, serão utilizados equipamentos e sistemas analíticos, inteligentes e integrados, compostos de sensores perimetrais externos, sensores internos, softwares e câmeras em todos os próprios públicos de Sorocaba. A intenção é começar com a implantação desse sistema, a partir das unidades escolares ainda neste ano.

 

Manutenção nas escolas

 

Mesmo com a atual gestão da Secretaria da Educação assumindo a pasta com um único contrato de manutenção em vias de término e muitos desafios pela frente, deixados sem resolver, há anos por administrações anteriores, foram elaborados novos contratos, que vêm possibilitando a conclusão prevista dos reparos prioritários e outros necessários até setembro.

 

São dezenas de escolas que vem recebendo reparos, com reposições de fiações elétricas, portas e janelas, bem como manutenção da parte hidráulica. Além desses serviços, até o momento, já foram executadas ainda pinturas, restaurações de brinquedos, substituição de mobiliário e de lousas, entre outros consertos.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

São Paulo registra queda em mortes por Covid-19; total chega a 14.398

Sorocaba realiza terceiro dia “D” de vacinação contra pólio e sarampo

Gilson Delgado atuou com foco no ser humano - veja a coluna de Vanderlei Testa

Manga sugere convocar secretários por explicações sobre medidas ‘antiterrorismo’

Show de comédia “Me Tornei Quem Eu Mais Temia” ocorre neste sábado no Teatro Municipal de Sorocaba

Sorocaba registra mais 20 mortes por Covid-19; 102 seguem intubados em UTIs