22 de Julho de 2024
Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Polícia Civil prende duas mulheres por maus-tratos contra animais; parte foi encontrada morta

Foto: Divulgação
Postado em: 14/03/2024

Compartilhe esta notícia:

Duas mulheres foram presas nesta quarta-feira (13), suspeitas de maus tratos a animais, na cidade de Salto, região metropolitana de Sorocaba. Cerca de 50 cães e gatos foram encontrados em condições precárias, sem acesso adequado a alimentos, água ou cuidados veterinários. Durante a vistoria na casa, os policiais civis também encontraram animais mortos.

 

Segundo apurado durante as investigações, as mulheres costumavam recolher animais abandonados nas ruas e levá-los para o imóvel, que não oferecia as mínimas condições de higiene e bem-estar animal. O cheiro forte do local, há tempos incomodava a vizinhança. Os animais foram resgatados e encaminhados para abrigos adequados, onde receberão os cuidados médicos veterinários necessários. 

 

A ação, que ocorreu na região central da cidade, contou com apoio de equipes do Centro de Zoonoses da Prefeitura. Os policiais civis receberam informações sobre uma residência onde vários animais estariam vivendo em condições deploráveis. Ao chegarem ao local, depararam-se com uma cena de extrema precariedade, com sujeira e fezes espalhadas pelos cômodos. 

 

As duas foram presas em flagrante e conduzidas à Delegacia de Polícia. Agora, encontram-se à disposição da Justiça. O trabalho da Polícia Civil prossegue, com o intuito de identificar se a dupla utilizava de forma irregular os recursos recebidos por meio de doações destinadas aos cuidados dos animais.

 

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Prefeitura atende Sindicato e vai fazer testagem gratuita de Covid-19 em motoristas e agentes de bordo

Câmara aprova PEC do Orçamento de Guerra; texto segue para Senado

Ampliação da ETE Pitico está na fase de escavações e concretagem de tanques

Tarifas do transporte intermunicipal terão aumento a partir de domingo

Motorista embriagado é detido após colidir em viatura da GCM e tentar fugir

Edital para o comércio ambulante já recebeu 50 inscrições