23 de Junho de 2024
Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Operação da Prefeitura de Sorocaba interdita dois estabelecimentos na região da Praça da Bandeira

Foto: SECOM
Postado em: 20/10/2023

Compartilhe esta notícia:

Nova operação integrada realizada pela Prefeitura de Sorocaba, na tarde desta quinta-feira (19), interditou dois estabelecimentos localizados nas proximidades da Praça da Bandeira, na região central da cidade. Na ocasião, também houve abordagem de pessoas suspeitas, como forma de inibir ações criminais ou outros tipos de irregularidades.

 

As informações são da Secretaria de Comunicação.

 

A ação foi coordenada em conjunto pelo secretário de Gabinete Central da Prefeitura, João Alberto Corrêa Maia, e pelo secretário de Segurança Urbana (Sesu), Alexandre Caixeiro. A iniciativa contou, ainda, com a participação de equipes da Guarda Civil Municipal (GCM), do programa “HumanizAção”, e das Secretarias de Planejamento e Licenciamento Urbano (Sesu), da Saúde (Ses) e de Mobilidade (Semob).

 

Um dos estabelecimentos, um bar, foi notificado pelo Setor de Fiscalização de Posturas da Seplan, por falta de alvará de funcionamento. O mesmo ponto acabou interditado pela Vigilância Sanitária, órgão ligado à SES, que constatou condições precárias de higiene.

 

O segundo local visitado foi uma adega, que também foi interditada, mas pelos fiscais da Seplan, por desvio de finalidade, uma vez que havia máquina caça-níquel, além de bebidas de procedência duvidosa no local. Fato é que o ponto já havia sido interditado outra vez, porém, retornou a operar, mesmo que irregularmente.

 

“A ação serviu, inclusive, para reforçar que o Poder Público está presente, atuante e que a sociedade pode sempre contar com o apoio das equipes da Prefeitura. Havia, também, denúncia de tráfico de drogas e presença de usuários nessa região, daí a importância dessa ação mais ampla, como o apoio da GCM”, disse o secretário de Gabinete Central.

 

Inclusive, a Sesu e as autoridades policiais contam, sempre, com o apoio da população, para que as acione e envie informações, em caso de constatação de perturbação do sossego, eventos clandestinos ou outras irregularidades ou crimes. O contato pode ser feito pelos telefones: 153 (GCM) e 190 (Polícia Militar).

 

“Fizemos uma série de abordagens, qualificamos pessoas suspeitas e orientamos moradores e comerciantes de que as operações de segurança vão continuar nessa região da cidade, como forma de garantir tranquilidade para a população”, frisou o secretário da Sesu, Alexandre Caixeiro.

 

Na sequência, a operação integrada teve prosseguimento e avançará durante o horário noturno, com a realização de rondas preventivas pela GCM e o trabalho de abordagem social especializada do programa “HumanizAção”, em toda a região central da cidade, assim como em outros bairros, para propiciar apoio às pessoas em situação de rua.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Polícia Civil deve convocar Crespo e ex-assessora para depor sobre ‘voluntariado’

Justiça de SP concede prisão domiciliar a chefe do PCC que tem hipertensão

Publicado guia com novos critérios para triagem de doadores de sangue

Flagrante: ouriço é visto circulando em fios de alta tensão; animal não foi resgatado

Negros morrem quatro vezes mais de disparo de arma de fogo que brancos

Diretoria da Anvisa rejeita importação e uso da Sputnik V