Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Crespo será investigado na justiça comum em três inquéritos policiais diferentes

Postado em: 29/08/2019

Compartilhe esta notícia:

O desembargador Antonio Carlos Machado de Andrade, da 6ª Vara Criminal do Tribunal de Justiça, autorizou que o prefeito de Sorocaba José Crespo seja investigado na justiça comum no caso que investiga a venda proibida de bebidas alcoólicas em um bar que fica no entorno do Paço Municipal.

Neste inquérito policial, Crespo é investigado por suspeita de crime de responsabilidade. “É dos autos que o investigado José Antônio Crespo teve o mandato eletivo cassado, conforme Decreto Legislativo de nº 1752/2019. Assim, conclui-se que não lhe é mais conferido o foro por prerrogativa de função, previsto no art. 29, inc. X, da Constituição Federal”, cita a decisão do magistrado.

Com a perda do foro privilegiado, o TJ, então, “devolve” o inquérito para Crespo ser julgado pelo Fórum de Sorocaba, por meio da 2ª Vara Criminal.

No mesmo inquérito policial consta o nome do ex-secretário de Comunicação e Eventos Werinton Kermes, também investigado na Operação “Casa de Papel”, que apura suposta atuação de organizações criminosas na Prefeitura de Sorocaba.

Todas as investigações policiais envolvendo o nome de Crespo são realizadas por meio da Delegacia Seccional, que tem Marcelo Carriel como delegado titular.

Crespo e justiça

Somente nesta semana, esta pode ser considerada a quarta ‘derrota’ de Crespo perante a justiça. Entre segunda-feira e terça-feira (dias 26 e 27), o prefeito cassado perdeu foro privilegiado para ser investigado nas operações “Casa de Papel” e “Falso Voluntariado”, sendo que esta última o democrata foi indiciado indiretamente por crime de responsabilidade e usurpação de função pública, no caso da ex-voluntária Tatiane Pólis.

Além da questão da perda de foro privilegiado, o Tribunal de Justiça do Estado São Paulo (TJ) negou o pedido da defesa do prefeito de Sorocaba cassado, José Crespo (DEM), para anular a sessão que resultou no afastamento dele. Dessa forma, o democrata permanece afastado do Executivo.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Foragido da Justiça é preso dentro de banheiro público na praça central

Governo descarta prescrição, e vacinação começará por crianças com comorbidade

MP denuncia três por tortura contra menino encontrado em barril

Lula e Bolsonaro estarão no 2º turno em disputa por menor rejeição, diz Ciro Nogueira

Câmara impõe derrota a Jaqueline e derruba veto a projeto que aumenta transparência pública

Manga anuncia "Palácio da Polícia" em Sorocaba; veja vídeo