Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Jovem de 19 anos usava chácara do Júlio de Mesquita para guardar drogas

Postado em: 18/02/2019

Compartilhe esta notícia:

A Guarda Civil Municipal de Sorocaba prendeu, no sábado (16), um jovem de 19 anos que utilizava uma chácara para guardar porções de drogas. A prisão foi possível após denúncia anônima.

Segundo a GCM, a Ronda Ostensiva Municipal (ROMU) realizava patrulhamento na pista de caminhada do bairro Júlio de Mesquita Filho, quando um munícipe veio até a equipe fazer uma denúncia. A pessoa não quis se identificar, mas relatou que na rua Nilva Zilá Silvati Viana, ao lado do CDHU, tem uma chácara e nela há uma casa abandonada, e que ele tem visto por diversas vezes algumas pessoas entrarem no local com mochila e depois sair sem nada, suspeitando que possam estar fazendo algo de errado.

width=960
Foto: GCM/Divulgação

A ROMU, chegando ao local, flagrou um jovem manuseando uma grande quantidade de entorpecentes sobre um estrado de madeira, momento que percebeu os guardas e tentou fugir, sendo acompanhado e detido dentro de uma funilaria tentando se esconder.

Com D.H.A.S, 19 anos, que tem Ato Infracional por receptação de veículo, estavam com 1.145 porções de maconha, uma porção a granel de cocaína, 277 porções de cocaína, duas facas grandes, além de uma balança de precisão e embalagens plásticas para acondicionar os entorpecentes.

Diante dos fatos, o rapaz foi conduzido ao Plantão Policial Norte, onde a autoridade policial ratificou a voz de prisão por tráfico de drogas, permanecendo o jovem à disposição da justiça.

width=960
Foto: GCM/Divulgação

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Relacionamento Abusivo é tema de capacitação com profissionais de escolas

Lula declara ao TSE patrimônio de R$ 7,4 mi, menor do que em 2018

Operação contra pancadões e aglomeração prende 5 e fecha 16 estabelecimentos

Faixa verde na rua da Penha amanhece pintada de preto; via volta a ter vagas

O cara virou um parasita, diz ministro Paulo Guedes sobre servidores

Manga: sorocabano poderá comprar por R$ 30 mil apartamento que vale R$ 200 mil