Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

“HumanizAção” registra mais de 6,3 mil abordagens sociais e encaminha perto de mil pessoas de volta ao lar neste ano

Foto: GCM/Divulgação
Postado em: 03/08/2022

Compartilhe esta notícia:

Desde o início deste ano até o fim do mês de julho, as equipes do programa “HumanizAção”, que atuam de domingo a domingo, com atendimento 24 horas, em todas as regiões da cidade, já realizaram 6.339 abordagens sociais especializadas a pessoas em situação de rua, sendo que esses atendimentos geraram 5.302 oportunidades de acolhimento no Serviço de Obras Sociais (SOS).

 

Desse total, 277 foram encaminhadas, desde janeiro, ao Centro de Triagem; 47 receberam cuidados em saúde e, além disso, perto de mil pessoas conseguiram retornar ao seu lar de origem, seja em Sorocaba ou em outras cidades de procedência. O retorno ao lar é providenciado pela Prefeitura de Sorocaba, sempre nas situações em que há o desejo da pessoa e a viabilidade para que isso aconteça.

 

Após aceitar atendimento no SOS, as pessoas têm à disposição no local, diariamente, alimentação saudável, banho quente, roupas limpas e lugar para o pernoite, além da atenção cuidadosa e humanizada que caracteriza esse serviço. Ainda, sempre que necessário, também é feito o encaminhamento dos que precisam para serviços de saúde. O objetivo principal desse trabalho é propiciar chances reais para uma verdadeira mudança de vida, contribuindo para a reinserção dessas pessoas no convívio em comunidade.

 

“Esse trabalho vem se mostrando de extrema importância, tanto para as pessoas atendidas, que são tratadas com respeito e dignidade, bem como para a população, que já consegue observar uma mudança de cenário em muitos dos principais pontos da cidade, onde essas pessoas costumavam permanecer, tais como as marquises de instituições financeiras e comércios no Centro da cidade.

 

Evidentemente, exige um esforço contínuo, mas nossas equipes estão muito empenhadas na realização desse trabalho”, comenta o secretário da Cidadania (Secid), Clayton Lustosa.


O “HumanizAção” é realizado desde o início de 2021, atuando de forma integrada por equipes da Secretaria do Gabinete Central (SGC), Secretaria da Cidadania (Secid), contando ainda com sua Coordenadoria de Álcool e Outras Drogas, e Secretaria da Saúde (SES), além do apoio da Guarda Civil Municipal (GCM), que integra a Secretaria de Segurança Urbana (Sesu), Secretaria de Serviços Públicos e Obras (Serpo) e Urbes – Trânsito e Transportes.

 

Ações diárias

 

Ao longo desta segunda-feira (1), as equipes do programa “HumanizAção Inverno” realizaram 52 abordagens sociais especializadas a pessoas em situação de rua, em 20 diferentes pontos da cidade, sendo que 27 delas aceitaram receber acolhimento no SOS.

 

As equipes percorreram os seguintes locais: Rua Peru; Rua Chile; Rua Atanásio Soares; Praça Frei Baraúna; Praça Cel. Fernando Prestes; Praça do Relógio; Rua Humberto Del Cistia; Praça Arthur Farjado; Praça do Rosário; Praça da Igreja São José do Cerrado; Av. General Carneiro; Praça Oxford; Rodoviária; Centro de Atenção ao Dependente Químico (CADQ); Praça Pedro de Toledo; Av. Itavuvu; Rua Luiz Costa Coimbra; Rua Miguel José Gimenez; Rua Cel. Nogueira Padilha e Rua Panamá.

 

A população pode sempre colaborar com a ação, informando os locais da cidade onde haja pessoas em situação de rua necessitando de cuidados e acolhimento, assim como doando roupas, cobertores e alimentos. O contato pode ser feito pelo WhatsApp (15) 99666-2636 (24h por dia) ou pelos telefones: (15) 3229-0777, do SOS; (15) 3212-6900, da Secretaria da Cidadania (Secid) e 153, da Guarda Civil Municipal (GCM).

 

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Após 40 dias nos EUA, Weintraub é confirmado diretor no Banco Mundial

Trump diz que governadores devem prender os manifestantes ou vão parecer `babacas´

Rede Municipal amplia atendimento presencial de estudantes

Casos da Covid-19 chegam a 12.128 em Sorocaba; não houve registro de novas mortes

Obras do viaduto da J.J. Lacerda avançam; vigas são montadas no antigo Matadouro

Lula chama Bolsonaro de ‘charlatão’ por incentivo à cloroquina e diz que PT vai ‘voltar forte’ em 2022