20 de Abril de 2024
Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Governo proíbe uso de animais em pesquisas de cosméticos e perfumes

Foto: Agência Brasil
Postado em: 02/03/2023

Compartilhe esta notícia:

Animais vertebrados, como cachorros e ratos, não poderão mais ser usados em pesquisas para desenvolvimento e controle de qualidade de produtos de higiene pessoal, cosméticos e perfumes. A proibição consta em resolução publicada no Diário Oficial da União desta quarta-feira (1º) pelo Conselho Nacional de Controle de Experimentação Animal (Concea), colegiado do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação.


As informações são da Agência Brasil.

 

A medida vale para testes de produtos que já têm na fórmula componentes com segurança e eficácia comprovadas. Para produtos com fórmulas novas sem comprovação de segurança ou eficácia, a norma obriga o uso de métodos alternativos de pesquisa. De acordo com a coordenadora do Concea, Kátia de Angelis, existem 40 métodos reconhecidos pelo conselho.

 

“Temos reconhecidos métodos que envolvem toxicidade dérmica com pele artificial, irritação ocular com córnea artificial. Isso faz com que nós utilizando esses métodos alternativos possamos manter a nossa autonomia de estudar novos ingredientes, produtos da nossa biodiversidade da Amazônia, por exemplo, com a possibilidade de não usar animais ou eventualmente usar um número muito pequeno de animais”, explica.

 

Kátia de Angelis destaca ainda que esta resolução é um avanço que coloca o Brasil alinhado com a legislação internacional sobre o tema. Na União Europeia, por exemplo, os testes em animais já são proibidos. 

 

Para a presidente da Confederação Brasileira de Proteção Animal, Carolina Mourão, a proibição terá impacto positivo na defesa dos animais.

 

“Essa medida, embora não seja o fim do uso de animais para todos os tipos de testes que o Brasil abarca, poupa um enorme número de vidas de todos os tipos de animais que conhecemos, desde cães, cavalos, bois e aves”.

 

A resolução já está valendo. Foi aprovada em dezembro do ano passado em reunião do Concea e assinada nessa terça-feira (28) pela ministra da Ciência, Tecnologia e Inovação, Luciana Santos.  

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Marginal será novamente interditada a partir das 23h30 para melhorias na sinalização

Operação integrada de abordagem social atende 14 pessoas em situação de rua

Rodízio no abastecimento de água em Sorocaba completa 10 dias nesta sexta-feira de feriado

Abertas inscrições para mais de 500 vagas de estágio remunerado na Educação

Registro de mortes por covid-19 mais que dobra em Sorocaba

De "rachadinha" a fantasmas, conheça investigações que envolvem o entorno de Jair Bolsonaro