23 de Junho de 2024
Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Governo de SP leiloa aeroportos nesta quinta, entre eles o de Sorocaba

Foto: reprodução/site Iara Bernardi
Postado em: 15/07/2021

Compartilhe esta notícia:

O Governo do Estado de São Paulo vai realizar nesta quinta-feira (15) o leilão de 22 aeroportos regionais, entre eles o de Sorocaba. Os investimentos previstos por parte da iniciativa privada em 30 anos de concessão são de R$ 447 milhões. Os aeroportos estão divididos em dois blocos – Noroeste e Sudeste.


O 1º lote, do Sudeste, inclui o de Sorocaba e também os dos municípios de Ribeirão Preto, Araraquara, Avaré, Bauru-Arealva, Franca, Guaratinguetá, Marília, São Carlos, Registro e São Manuel.


O 2º lote, localizado no Noroeste paulista, inclui as cidades de São José do Rio Preto, Presidente Prudente, Araçatuba, Barretos, Andradina, Assis, Dracena, Votuporanga, Tupã, Presidente Epitácio e Penápolis.


Os interessados em realizar as aquisições podem entregar suas propostas às 14h desta quinta, na sede da B3, em São Paulo. A concorrência inicia-se na sequência, às 15h. 


“A concessão dos aeroportos regionais de São Paulo é uma ótima oportunidade para investidores que já atuam nos modais de transporte, incluindo o aéreo. São Paulo tem alguns dos aeroportos regionais com mais movimento do país e o maior mercado de aviação do Brasil”, afirmou Doria em junho.


Dos 22 aeroportos, seis já contam com serviços de aviação comercial regular e 13 têm potencial de se desenvolver como novas rotas regulares durante a concessão. Estão divididos em dois lotes, submetidos ao processo de licitação internacional. Juntos, os dois grupos movimentam atualmente 2,4 milhões de passageiros por ano, considerando embarques e desembarques. Estimativas técnicas apontam crescimento significativo dessa movimentação, considerando a realização de investimentos e o fomento à aviação regional, com mais de 8 milhões de passageiros por ano ao longo dos 30 anos de contrato de concessão.


Leilão

 

Poderão participar da licitação empresas nacionais ou estrangeiras, consórcios, instituições financeiras e fundos de investimentos. E, além de apresentar a maior proposta de outorga fixa, o vencedor terá de comprovar qualificação técnica em gestão aeroportuária, seja da própria empresa ou consórcio, ou de pessoas de sua equipe ou mesmo por meio de subcontratação qualificada.

 

Serão vencedores de cada um dos lotes os concorrentes que apresentarem a maior oferta de outorga fixa. O concessionário vencedor deve fazer investimentos obrigatórios nos aeroportos já na primeira fase da concessão, nos primeiros quatro anos. Os demais investimentos na modernização e ampliação da infraestrutura estão previstos ao longo do período contratual.

 

Grupo Noroeste


Esse lote é composto por 11 unidades, encabeçada por São José do Rio Preto, além dos aeroportos comerciais de Presidente Prudente, Araçatuba e Barretos, bem como dos aeródromos de Assis, Dracena, Votuporanga, Penápolis, Tupã, Andradina, Presidente Epitácio.


No total, estão previstos R$ 181,2 milhões de investimentos ao longo do contrato de concessão, sendo os valores distribuídos para ampliação de capacidade, melhoria da operação e adequação à regulação. Estão previstos para os primeiros quatro anos de operação investimentos de R$ 62,3 milhões.

 


Grupo Sudeste


O lote é composto por 11 unidades, cuja principal é a de Ribeirão Preto, além de Bauru-Arealva, Marília, Araraquara, São Carlos, Sorocaba, Franca, Guaratinguetá, Avaré-Arandu, Registro e São Manuel.


No total, estão previstos R$ 266,5 milhões de investimentos ao longo do contrato de concessão, sendo os valores distribuídos para ampliação de capacidade, melhoria da operação e adequação à regulação. Estão previstos para os primeiros quatro anos de operação investimentos de R$ 75,5 milhões.


A outorga mínima prevista para o Bloco Noroeste é de R$ 6,8 milhões e para o Bloco Sudeste é de R$ 13,2 milhões. O leilão está previsto para ser realizado na sede da B3, em São Paulo, em 15 de julho de 2021.

 

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Sob protestos, deputados paulistas autorizam venda da Sabesp

Moro nega ‘anormalidade ou direcionamento’ em troca de mensagens com Dallagnol

Em reunião com vereadores, gestores de hospitais mostram preocupação em Sorocaba

Sistema BRT e Consor reforçam higienização da frota com tecnologia ultravioleta

Mega-Sena acumula e deve pagar R$ 120 milhões no sábado

Devido à Covid, Anac autoriza voos com menos comissários