16 de Junho de 2024
Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Governo de SP inicia arrecadação para vítimas do RS; veja o que doar

Foto: Divulgação
Postado em: 06/05/2024

Compartilhe esta notícia:

O Fundo Social de São Paulo (FUSSP) e a Defesa Civil começaram a receber doações para serem enviadas às vítimas das chuvas no Rio Grande do Sul neste domingo (5). A população também poderá levar donativos para os postos do Poupatempo a partir desta segunda-feira (6). A ação faz parte da mobilização do Governo de São Paulo para ajudar a população gaúcha, que também conta com equipes de resgate, embarcações e aeronaves. As informações são do Governo do Estado de São Paulo. 

 

Pessoas físicas, entidades e empresas podem fazer doações. Os materiais devem ser entregues no depósito do FUSSP, localizado na Avenida Marechal Mário Guedes, 301, no bairro do Jaguaré, na capital. O local abriu excepcionalmente neste domingo das 8h às 17h. Durante a semana, as doações poderão ser entregues das 8h às 17h no mesmo local. O transporte para o Rio Grande do Sul será feito pelas companhias aéreas Latam, Gol e Azul, que se voluntariaram para enviar as doações devido aos diversos bloqueios nas estradas.

 

Já para quem optar pelas doações via Poupatempo, é possível enviar os materiais a qualquer uma das 241 unidades da capital, Grande São Paulo, Baixada Santista, Litoral Norte e interior. Todos os itens recebidos no Poupatempo serão destinados ao FUSSP para distribuição aos atingidos pelas chuvas no Sul.

 

A prioridade neste momento é para água potável e produtos de limpeza e higiene, itens solicitados pela Defesa Civil do Rio Grande do Sul. Comida e roupas não estão entre as principais necessidades neste momento e, por isso, não devem ser enviados.

 

“É só chegar e entregar as doações, sem necessidade de cadastro. A recomendação é que os itens sejam, preferencialmente, lacrados e novos”, explica a chefe de gabinete do FUSSP, Cristina Prado. A campanha não tem data para terminar. O primeiro caminhão com produtos deixa o galpão na manhã desta segunda-feira (6) para transporte aéreo.

 

O FUSSP não está recebendo doações em Pix ou dinheiro. Quem tiver interesse neste tipo de ajuda precisa procurar os canais oficiais do governo gaúcho.

 

Mas é possível auxiliar com trabalho voluntário no depósito de São Paulo para ajudar com transporte e separação dos itens. Neste caso, basta comparecer ao local.

 

Muita gente aproveitou o primeiro dia de campanha para levar sua contribuição neste domingo. O motorista Carlos José Souza de Oliveira realizou a doação de itens arrecadados na igreja frequentada por ele. “Nós vamos ajudar o próximo, estamos fazendo a nossa parte pelas pessoas que estão precisando neste momento.”

 

O diretor comercial Rafael de Souza é gaúcho e conta que toda sua família está empenhada em ajudar às vítimas das enchentes. “Estamos há 11 anos em São Paulo e buscamos um lugar para fazer a doação. Encontramos o Fundo Social, que está fazendo um papel muito importante. Então arrecadamos muita coisa em Pix com os amigos, compramos os itens que pediram e viemos entregar.”

 

  • Veja a lista de produtos prioritários para doação:
    Água
    Água sanitária
    Balde
    Desinfetante
    Detergente
    Detergente em pó
    Escova para lavar
    Esponja para limpeza
    Esponja de aço
    Limpador multiúso
    Luva de látex
    Pano de chão
    Rodo
    Sabão em barra
    Sacos de lixo
    Saponáceo
    Vassoura
    Aparelho de barbear
    Creme dental
    Escova de dente
    Fio dental
    Sabonete
    Shampoo e condicionador

 

Outras informações sobre as doações às vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul podem ser acessadas no site do FUSSP fundosocial.sp.gov.br, nas redes oficiais do fundo ou pelos telefones 11 2193-6979 e 11 3238-3944.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Manga será diplomado prefeito no hospital onde pai está internado

Votorantim está em situação de alerta para a dengue

VÍDEO - câmera flagra acidente com motociclista em Votorantim

Prefeitura divulga novos cronogramas dos concursos da Educação em Sorocaba

Saae testa os seus funcionários para a Covid-19

Cinco menores danificam cerca elétrica e fogem de Casa Abrigo