Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

GCM detém dupla que agrediu idoso de 85 anos durante roubo em Sorocaba

Foto: divulgação/GCM
Postado em: 02/04/2020

Compartilhe esta notícia:

A Guarda Civil Municipal de Sorocaba deteve, nesta quarta-feira (1), dois criminosos que teriam agredido um idoso de 85 anos durante roubo. 


Conforme a ocorrência, a ROMU (Ronda Ostensiva Municipal) realizava patrulhamento no bairro Vitória Régia, quando se deparou com dois suspeitos manobrando um veículo modelo VW/Gol, vermelho, supostamente utilizado na tentativa de roubo ocorrido na manhã do dia 23 de março, na Vila Fiori, crime em que um idoso de 85 anos foi rendido e agredido com diversas coronhadas por ladrões que exigiam dinheiro.


Os suspeitos, um rapaz de 18 anos e outro de 20 anos de idade, foram identificados e possuem envolvimento com o tráfico de drogas, receptação e direção perigosa. 


Enquanto a equipe da GCM elaborava o relatório no local, surgiu um terceiro homem alegando ser o proprietário do veículo e que o havia emprestado aos dois abordados. Devido às versões contrárias entre eles e a dificuldade para encontrar o verdadeiro dono do carro, os três suspeitos foram conduzidos até a Dise (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes).


Já na delegacia, a vítima, o idoso, reconheceu os jovens abordados com o veículo, como os autores da tentativa de roubo e das agressões. Todos foram qualificados para futuras investigações e, em seguida, liberados devido não estar em situação de flagrante no momento da abordagem. O veículo foi recolhido ao Pátio.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

"Operação Dignidade não é enxotar as pessoas", diz prefeito em exercício Fernando Dini

Bolsonaro diz que relação entre Brasil e Rússia pode crescer

Post da prefeitura sobre "99% de eficácia em tratamento contra covid" repercute no Brasil; veja

Piora da crise hídrica impacta planos de empresas e ameaça economia até 2022

Governo flexibiliza medida e libera bancos a pagarem mais dividendos em 2020

Projeto sobre desenvolvimento cognitivo e emocional de crianças precisa de voluntários