Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Curso gratuito no Jardim Botânico vai ensinar a criar abelhas sem ferrão

Agência Sorocaba
Postado em: 11/12/2020

Compartilhe esta notícia:

Tem início na próxima segunda-feira (14) o curso gratuito de Meliponicultura – Criação de abelhas sem ferrão” no Jardim Botânico “Irmãos Villas-Bôas”, com o instrutor do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), Nivaldo Aparecido Bertelli. As aulas, que terão conteúdo teórico e prático, ocorrerão, das 8h às 17h, até dia 17 de dezembro. Todas as vagas já foram preenchidas.

Oferecido pelo Senar, em parceria com a Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria do Meio Ambiente e Sustentabilidade (Sema), e o Sindicato Rural de Sorocaba, o curso visa ensinar aos participantes a como criar abelhas sem ferrão, utilizando equipamentos e técnicas apropriadas. Os alunos terão contato com técnicas de meliponicultura, biologia e ecologia das abelhas, conhecerão as espécies nativas da região de Sorocaba e a legislação pertinente à criação desse inseto.

De acordo com a Secretaria do Meio Ambiente, é importante salientar que durante a realização do curso todas as medidas de segurança de prevenção à Covid-19 deverão ser seguidos pelos participantes, como a utilização de máscaras. Além disso, cada aluno deverá levar sua garrafa de água e talheres para a refeição, além de manter o distanciamento social e a higienização das mãos.

O Jardim Botânico está localizado na Rua Miguel Montoro Lozano, 340, no Jardim Dois Corações. Mais informações podem ser obtidas de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h, pelo telefone (15) 3235.1130.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Família busca informações sobre paradeiro de presidente do Conegro Sorocaba

Parques, Jardim Botânico e Zoo estarão fechados ao público no dia de Natal

Equipe da Prefeitura vistoria áreas degradadas em seis pontos da cidade

Mulher é presa por transportar droga dentro de ônibus em rodovia de Itu

Na China, Anvisa e Instituto Butantan inspecionam fábrica da CoronaVac

Crespo inclui “Ética, Solidariedade e Cidadania” como disciplina nas escolas