Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Casal de PMs: policial é preso após namorada morrer a tiro durante discussão

Foto: reprodução
Postado em: 02/06/2020

Compartilhe esta notícia:

Um policial militar foi preso a namorada, também policial, morrer a tiro. O crime ocorreu no último sábado (30). 

Ambos pertenciam ao 50º Batalhão da Polícia MIlitar, localizado em Itu. 

Conforme informações da ocorrência, o policial, Francis Harrison de Oliveira, atirou na namorada, Luciana Ap. Coccia dos Santos, 31 anos, que morreu na hora.

O Corpo de Bombeiros foi acionado pelo pai do policial e constatou a morte da vítima no local. O disparo de arma de fogo atingiu o tórax de Luciana. O crime ocorreu em uma cidade do Paraná, chamada Santo Atônio de Platina.

Aos policiais, o PM autor do crime informou que o casal estava em um churrasco e, ao chegar em casa e ir dormir, iniciaram uma discussão por que Luciana havia demonstrado ciúmes de troca de mensagens no celular do PM. Ainda segundo a versão dele, ambos começaram a trocar insultos e ofensas, momento em que a vítima agrediu fisicamente Francis com socos e arranhões. 

O detido alega que, ao se levantar para tomar banho, pegou uma pistola calibre .40 que estava em sua cintura, momento em que a vítima segurou a mão dele e o disparo ocorreu. O policial foi encaminhado à 4ª Companhia da Polícia Militar, onde foram feitos dois testes de embriaguez, no qual em ambas as vezes foi constatado que Francis havia consumido bebida alcoólica. 

A equipe da PM conduziu o autor até a delegacia, onde foi registrado boletim de ocorrência por homicídio doloso e a arma de Francis também foi apreendida. O indiciado foi encaminhado ao presídio militar Romão Gomes, localizado na zona norte da capital paulista. 

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Estações BRT da avenida Itavuvu começam a ser instaladas

Estudo aponta probabilidade de surgirem novas variantes mais perigosas da covid nos próximos meses

GCM morto após ser atingido com quatro tiros será velado nesta quinta-feira

Presidente da China insinua que país não se curvará aos Estados Unidos

Família busca por mulher de 47 anos que desapareceu com carro da empresa

Após dizer a ministro que tem vergonha do STF, advogado é levado pela PF; vídeo