Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Brasil registra 346 novas mortes por coronavírus em 24 h e total passa de 4.000

Foto: Agência Brasil
Postado em: 25/04/2020

Compartilhe esta notícia:

Thiago Resende, FOLHAPRESS


O Brasil registrou 346 novas mortes em decorrência da Covid-19 nas últimas 24 h, um aumento de 9,4%, segundo informou o Ministério da Saúde neste sábado (25).


O recorde de mortes foi batido na quinta-feira (23), com 407 novas mortes em apenas um dia.


No total, são 4.016 mortes pelo novo coronavírus.


O país tem ainda 58.509 casos confirmados de Covid-19 –no dia anterior eram 52.995.


O boletim mais recente do Ministério da Saúde confirma a tendência dos cinco estados mais afetados pelo novo coronavírus: São Paulo, Rio de Janeiro, Ceará, Pernambuco e Amazonas.


Em relação ao número de mortes, São Paulo chegou à marca de 1.667 óbitos desde o início da pandemia. O Rio de Janeiro tem 615 casos. Na sequência aparecem Pernambuco, com 381; Ceará, com 310; e Amazonas com 287.


São Paulo também lidera em número de casos confirmados, com 20.004. O Rio de Janeiro é o segundo com mais registros, com 6.828. O Ceará é o terceiro, com 5.421; seguido de Pernambuco, com 4.507; e Amazonas, com 3.635.


Desde a segunda-feira (20), o Ministério da Saúde não divulga o boletim mais detalhado, com informações como a incidência de casos por 1.000 habitantes, a faixa etária das vítimas, comorbidades.


Nesta sábado, não houve entrevista coletiva com o ministro Nelson Teich ou com técnicos da pasta para apresentar os números e ações contra o coronavírus.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Moraes solicita informações da PF em inquérito sobre interferência de Bolsonaro

Sorocaba registra mais 4 mortes por Covid-19; 94 seguem intubados em UTIs

Prefeitura testa pagamento de tarifa de ônibus com cartão de crédito e débito

Aumenta para 37 o número de mortos com chuvas e enchentes em Minas Gerais; desaparecidos somam 25

Ibope: Bolsonaro tem 31%; Haddad, 21%; Ciro, 11% e Alckmin, 8%

Governo repassa R$ 443 milhões para o programa Minha Casa Minha Vida