Danilo Lavieri, FOLHAPRESS

No trabalho comandado por Tite na Academia de Futebol do Palmeiras, a única alteração foi a de Ederson no lugar de Alisson, como já era previsto. O restante teve a mesma formação da partida contra a Bolívia.

Além disso, a lesão de Thiago Silva fez o comandante voltar a escalar a zaga que atuou durante praticamente todas as eliminatórias: Miranda e Marquinhos.

O time titular teve: Ederson; Daniel Alves, Miranda, Marquinhos e Alex Sandro; Casemiro; Renato Augusto, Paulinho, Coutinho e Neymar; Gabriel Jesus.

A pedido do comandante, a imprensa pôde assistir apenas aos minutos inicias do trabalho. Depois, os jornalistas foram convidados a ir para a sala de imprensa, sem visão do campo.

Familiares

Aproveitando que a seleção está em São Paulo, diversos jogadores receberam a presença de seus familiares para assistir aos trabalhos neste domingo no Palmeiras.

Neymar pai, por exemplo, esteve no campo e conheceu toda a estrutura. Sempre acompanhado do diretor de futebol do Palmeiras, Alexandre Mattos, ele também foi para campo acompanhar o filho. Familiares e amigos de membros da comissão técnica também foram ao local.

Membros da comissão técnica também receberam familiares e amigos, que tiveram um local especial para assistir às atividades ao lado dos convidados de patrocinadores.

Maurício Galiotte, presidente palmeirense, também esteve no CT ao lado de seus familiares.