Com informações da repórter Cida Muniz

A vereadora Iara Bernardi (PT) apresentou, nesta terça-feira (14), o relatório final da CPI da Merenda, durante sessão na Câmara de Vereadores. Iara preside a comissão, que conta com relatoria do vereador Péricles Regis (MDB). O Ipa Online disponibiliza nesta matéria a íntegra do documento. Leia abaixo.

O relatório foi aprovado semana passada pelos sete membros da Comissão: Fausto Peres (Podemos), Fernanda Garcia (PSOL), Hudson Pessini (MDB), Francisco França (PT) e Renan Santos (PC do B). Já o vereador Anselmo Neto (PSDB) se absteve de votar, alegando que um parente depôs na CPI e porque a Comissão se estendeu até o governo anterior, no qual ele foi líder na Câmara.

Foto: Divulgação/Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal de Sorocaba

O relatório com 141 páginas foi lido durante a sessão. Toda a documentação será enviada à Polícia Federal, ao Ministério Público Federal e ao Ministério da Educação.

A CPI concluiu que a falta de descontos dos gêneros alimentícios da agricultura familiar, que motivaram a criação da comissão, ocorria desde o ano de 2016, quando dois contratos emergenciais foram realizados com a empresa Apetece. Por conta disso, a CPI afirma que a Prefeitura deve cobrar da empresa o valor de R$ 1.734.451,15.

O relatório indica que o problema não foi mera casualidade. “Há fortes indícios de que agentes políticos direcionaram as contratações, deixaram de fiscalizar os contratos e ainda beneficiaram as empresas com os recursos da agricultura familiar”, diz o texto.

O Portal Ipa Online disponibiliza, na íntegra, o conteúdo do relatório final da CPI da Merenda. Leia abaixo:

 

1 Comentário

  1. Assisti pela TV a apresentação do relatório , documento para confirmar de forma oficial o que todos sabiam , mas o que me causou espanto foi o Vereador Irineu Toledo ficar estupefato com as informações , ele nem imaginava que isto estaria acontecendo , sequer imaginou que as nutricionistas estariam sendo pressionadas.
    Nunca imaginou que aprovar as contas em cinco minutos poderia causas algum desconforto , que nunca houve compra de votos para a presidência da Câmara . tampouco algum possível vereador pudesse praticar um mensalinho , ou licenciar o carro no estado do Paraná , para pagar menos IPVA
    No dia que a Iara contar a ele que papai Noel não existe , será um grande trauma
    Santa inocência !!!

Comments are closed.