Foto: Divulgação/ECSB

Brunno Carvalho, UOL/FOLHAPRESS

O meia Daniel, ex-São Paulo e que estava emprestado ao São Bento, foi encontrado morto em um matagal em São José dos Pinhais, no Paraná, no último sábado (27). A assessoria de imprensa do jogador confirmou a morte do jogador e o Instituto Médico Legal (IML) do Paraná ainda aguarda a chegada da família para o reconhecimento do corpo. Amigos do meia já compareceram ao local.

A causa da morte ainda não foi confirmada, mas o IML descreve o corpo como “vítima de arma branca”.

Daniel tinha 24 anos e foi revelado pelo Cruzeiro, mas sua principal passagem de destaque foi no Botafogo. Vendido ao São Paulo como promessa, o jogador já chegou ao time paulista com uma lesão no ligamento do joelho direito. As contusões, inclusive, foram o grande problema da carreira de Daniel.

Emprestado ao Coritiba, sofreu uma tendinite no mesmo joelho operado e pouco conseguiu jogar. Ao voltar para o São Paulo, foi emprestado para a Ponte Preta, mas não convenceu a ponto de o time de Campinas aceitar bancar os altos salários do meia.

O jogador estava emprestado ao São Bento desde junho deste ano. A tendência era que ele permanecesse por lá até o final do Campeonato Brasileiro Série B.