14/06/2017 14h10 - Atualizado em 14/06/2017 14h10 | Ipanema Online

Greve de ônibus está suspensa até o dia 22



Não chegou a um acordo a reunião do Sindicato dos Rodoviários de Sorocaba e Região com as empresas do transporte urbano em Sorocaba, nesta quarta-feira (14), no Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 15ª região. Por conta disso, a greve que a categoria faria foi suspensa até o dia 22 de junho. A campanha salarial dos trabalhadores em transporte urbano de Sorocaba continua sem definição. A audiência ocorreu com a presença de representantes do sindicato e das empresas STU (Sorocaba Transportes Urbano) e CONSOR (Consórcio Sorocaba). 

Diante da permanência do impasse, o desembargador vice-presidente Edmundo Fraga Lopes, e a procuradora do Ministério Público do Trabalho, Maria Stela Guimarães de Martin, apresentaram uma proposta sobre o índice de reajuste nos salários de 4% retroativo a maio, mais 2% em janeiro de 2018, aumento no vale refeição para R$ 21 por dia a partir de outubro e na participação nos lucros e resultados (PLR) para R$ 1.560. A proposta da presidência não foi aceita pelas partes e o TRT-15ª deu um prazo até o dia 22 de junho para Sindicato e empresas continuarem as negociações.

O TRT-15ª agendou para o dia 22 de junho, às 10h30, mais uma audiência de conciliação. A presidência do Tribunal oficializou o prefeito de Sorocaba José Caldini Crespo (DEM) para tomar ciência das negociações, a fim de tomar “providências necessárias em seu âmbito de competência, tudo em benefício da paz social em Sorocaba”.

Diante do acordado, a greve dos trabalhadores em transporte urbano de Sorocaba continua suspensa até o dia 22 de junho.