12/05/2017 09h19 - Atualizado em 12/05/2017 09h19 | Ipanema Online

Urbes aponta que Zona Azul multou dois mil motoristas em 40 dias



Cerca de dois mil motoristas foram multados pela falta de uso de cartões que dão direito ao estacionamento em vagas da Zona Azul, no Centro de Sorocaba. Os dados foram divulgados pelo presidente da Urbes - Trânsito e Transportes, Wilson Unterkircher Filho, durante entrevista ao Jornal da Ipanema, da Rádio Ipanema, 91,1 FM, nesta manhã de sexta-feira (12). O número de multas aplicadas refere-se aos primeiros 40 dias de funcionamento do sistema rotativo de estacionamento. 

A entrevista aconteceu dentro do espaço "O Deda Questão", comandado pelo jornalista Djalma Benette.

O condutor que descumprir as regras comete infração grave (5 pontos na CNH), multa no valor de R$ 195,23 e remoção do veículo. Se contar o total de multas aplicadas neste período de funcionamento do sistema, o total a ser arrecadado pelos cofres públicos seria mais de R$ 390 mil. O estacionamento rotativo é regulamentado pelo Código de Trânsito Brasileiro – CTB (lei federal nº 9.503/97) e pelo decreto municipal nº 22.268, de 5 de maio de 2016. 

Atualmente, há 815 vagas rotativas espalhadas em 28 ruas da região central. Apesar do alto número de autuações, Unterkircher relata que o número de motoristas multas "vem caindo". Em Sorocaba, há 35 pontos de vendas dos cartões Zona Azul, que dão direito à vaga. Confira aqui onde comprar.

Ainda segundo o presidente, a expectativa é disponibilizar os cartões de estacionamento em formato digital, além de aumentar o número de vagas da Zona Azul para 3,5 mil ou 4 mil ainda no segundo semestre. 

Como funciona

A obrigatoriedade do uso do cartão ocorre de segunda a sexta-feira, das 9 às 18 horas, e sábado, das 9 às 13 horas. Os cartões são válidos por até 2 horas, podendo ser utilizados até 2 cartões de 1 hora, de acordo com o prazo estabelecido nas placas de regulamentação.

Valores

1 hora - R$ 0,50

2 horas – R$ 0,70

ISENÇÃO - Os veículos de propriedade, utilizados ou a serviço de pessoas com deficiência são isentos do pagamento da Zona Azul no período máximo de duas horas. Para isso, o veículo deve estar devidamente identificado com a credencial especial emitida pela Urbes. O benefício é cedido através da lei municipal nº 5.270, de 11 de novembro de 1996.

Dicas

- Para evitar aborrecimento, compre antecipadamente o bloco de cartão somente nos postos de venda autorizados;

- Siga as instruções de preenchimento do cartão, que estão em seu verso;

- O cartão deve estar sempre posicionado dentro do veículo de forma visível no painel, com a frente voltada para cima;

- É importante estar atento ao tempo máximo de permanência. Após este prazo, o veículo deve ser retirado da vaga;

- Fique atento aos dias e horários indicados nas placas de regulamentação;

- A permanência da pessoa no interior do veículo não desobriga o uso do cartão;