24/07/2017 08h26 - Atualizado em 24/07/2017 08h26 | Ipanema Online

Vice-prefeita afirma “não ter menor interesse” com candidatura a deputada em 2018



A vice-prefeita de Sorocaba, Jaqueline Coutinho, encaminhou nota ao Jornal Ipanema para dizer: “Afirmo que não tenho o menor interesse nisso. E sequer posso me comprometer nesse sentido porque tenho obrigações familiares que me impedem”. Ela faz referência a nota deste blog e reportagem no Jornal Ipanema dizendo que o clima do momento (crise entre ela e o prefeito Crespo) favorece uma candidatura dela a deputada na eleição de 2018.

Na tarde de quinta-feira, Cláudio Ferreira, um dos braços fortes do deputado estadual Campos Machado em todo o Interior de São Paulo, experiente político e articulador de candidatos ao partido, afirmou ao repórter Gustavo Ferrari do Portal Ipanema que “não há campanha melhor para deputada, numa eventual candidatura da Jaqueline, como essa situação” (a exposição que a crise entre o prefeito e a vice está produzindo e a chance da Jaqueline falar suas ideias e defendê-las) e quando questionado se ela seria candidata ele ter dito que Jaqueline “vai ter legenda e terá uma das maiores votações de Sorocaba”.

Na manhã de hoje, o próprio Cláudio Ferreira tratou de esclarecer a sua declaração com a seguinte nota: “Sobre o comentário de uma possível candidatura da vice prefeita Jaqueline à deputada, isso é secundário e nunca foi pensado até então e muito menos conversado com ela. O que aconteceu foi que durante a coletiva de imprensa no dia de ontem, o repórter Gustavo Ferraz me perguntou dessa possibilidade e eu respondi,  que se ela quisesse, certamente o PTB estaria pronto para tornar sua candidatura uma realidade, pois  na política temos que buscar maiores representatividades sempre. Entretanto, ressalto: isso não está em foco e nunca foi discutido. O que realmente interessa nesse momento é resolver esses impasses e recolocar a vice-prefeita Jaqueline no cargo para o qual ela foi eleita, aliás, com grande aceitação da população – que por sinal tem dado muito apoio a ela nesse momento. Por onde Jaqueline tem andado no últimos dias, as pessoas vêm abraça-la e prestar total solidariedade. Espero que tenha ficado esclarecido esse ponto da coletiva”.