Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

ZF do Brasil demite cerca de 100 funcionários em Sorocaba

Foto: reprodução/SMETAL
Postado em: 05/08/2020

Compartilhe esta notícia:

Ao menos 100 trabalhadores das plantas 1 e 2 da ZF do Brasil foram demitidos nesta quarta-feira (5). As informações são Associação dos Trabalhadores Lesionados de Sorocaba (ATL). 

 

Por meio de nota, (confira abaixo na íntegra), a ZF do brasil justificou as demissões em decorrência da crise econômica por causa da pandemia do novo coronavírus.

 

A Associação informou que irá tomar as medidas cabíveis quanto ao fato. 

 

Conforme a ATL, a demissão em massa ocorre há pouco mais de um ano depois de a indústria ter despedido por justa causa quase 200 colaboradores por suposto uso de atestado médico falso, episódio que gerou repercussão nacional e resultou em diversos processos trabalhistas. 

 

Segundo apurou a Associação, a empresa alega que as dispensas desta quarta teriam como causa "ajustes já programados deste antes da pandemia". 

 

Os demitidos cumpriam acordo de suspensão do contrato de trabalho e redução da jornada. "Até por isso, podem ter direito à estabilidade e à indenização previstas em lei", alega a ATL em nota. "Solidária com todos os que perderam o emprego nesse mometo crítico, a ATL lamenta e repudia a decisão da empresa, sobretudo também porque entre os desligados encontram-se trabalhadores com estabilidade assegurada em razão da doença ocupacional que os acomete".

 

Leia na íntegra a nota oficial da ZF do Brasil

 

"Em função da pandemia do COVID-19 e da expressiva retração no mercado, em particular no setor de autopeças, os desafios da indústria automotiva vêm se intensificando na região da América do Sul.

 

De acordo com a ANFAVEA – Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores, a produção nacional tem registrado quedas expressivas no setor em relação ao ano anterior. As últimas perspectivas divulgadas pela associação para este ano preveem queda total de 40% na venda de veículos (leves e pesados). O mercado de reposição e as exportações também foram amplamente atingidos.

 

A retração conjuntural do setor vem causando impactos negativos também para a ZF, uma das maiores fornecedoras de tecnologia e sistemas para o setor automotivo. Com as projeções de vendas abaixo do planejado para 2020 e a necessária readequação à realidade de mercado dos próximos anos, a ZF comunicou recentemente o ajuste em seu quadro de colaboradores. A medida impacta plantas da empresa no Brasil.

 

Desde o início dos casos de COVID-19 no Brasil, a ZF tomou todas as providências disponíveis e cabíveis para a garantia da saúde e proteção de seus colaboradores. Dentre elas, todas ações ao seu alcance para preservação dos empregos, como férias coletivas, suspensão contratual e redução de jornada, de acordo com a legislação vigente. 

 

Infelizmente, o ajuste de quadro se tornou uma ação inevitável e necessária para a manutenção e sustentabilidade das operações da ZF no País, frente ao momento desafiador sem precedentes". 

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Projeto que libera bloqueadores de ar nos hidrômetros é votado nesta 5ª

MP quer saber da Prefeitura: cadê as viaturas do Conselho Tutelar?

Vídeo: cor laranja reaparece em água de torneira de apartamentos do Carandá

Prefeitura convoca 11 classificados para o cargo de Procurador do Município

Segundo turno: eleitor não pode ser preso a partir desta terça-feira

Bolsonaro autoriza Forças Armadas a reforçar segurança em presídio onde está Marcola