Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

“Tem cada ‘zé ruela’ que vou falar”, afirma vereador sobre comissionados; veja vídeo

Postado em: 19/02/2019

Compartilhe esta notícia:

Um momento inusitado chamou a atenção dos presentes na sessão da Câmara Municipal desta terça-feira (19), durante discussão de veto do prefeito Crespo contra a emenda da vereadora Iara Bernardi (PT) que obrigava os indicados para a presidência da recém-criada autarquia Investe Sorocaba a passarem por sabatina do Legislativo Municipal. Em um ponto da discussão, o vereador Hudson Pessini (MDB), manifestando-se contra as livres nomeações da prefeitura, afirmou: “Tem cada zé ruela que vou falar”. Na mesma sessão, os vereadores acataram esse veto e outro, a respeito da criação de cargos de livre nomeação do Saae, com salário de R$ 10 mil.

A frase foi contextualizada pelo vereador pedindo desculpas por uma possível generalização aos funcionários comissionados que realmente teriam competência para executar os cargos, mas citando os que ocupam vagas apenas por indicação política.

A emenda de Iara Bernardi aponta a obrigatoriedade da sabatina e eventual aprovação do indicado à presidência do Investe Sorocaba, autarquia criada para promover o desenvolvimento da cidade, pelos vereadores, o que descumpriria o regimento interno da Câmara. Após muita discussão, o veto foi acatado por 11 votos a 8.

Cargos do Saae

Os vereadores de Sorocaba acataram o veto parcial do prefeito ao projeto de lei que cria 5 cargos no Saae Sorocaba, com salários de R$ 10 mil. O projeto já havia sido aprovado pela Câmara, com uma emenda que destinava os cargos a funcionários públicos concursados, fato que foi vetado pelo prefeito. Com a decisão dos vereadores, os cargos passam a ser de livre nomeação.

O vereador Hudson Pessini em determinado momento da discussão, afirmou que era contrário à criação dos cargos. “Votei contra, mas agora que já foram aprovados, pra mim tanto faz”, afirmou o parlamentar. Ele foi rebatido pelo colega Renan Santos (PCdoB). “Não é tanto faz não. Uma coisa é você nomear um funcionário do Saae, que conhece o Saae, e outra trazer algum indicado de fora”, explicou.

Com 11 votos a favor do veto de Crespo, ele foi acatado. Oito vereadores votaram contra o veto do prefeito municipal.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

“Benzinho” traz retrato afetuoso sobre relações familiares e se beneficia de carisma do elenco

Presidente da Caixa ‘ameaça’ corintiano: ‘vai ficar sem estádio’

Haddad diz que buscará todas as formas jurídicas de libertar Lula

Governo Bolsonaro prepara ampliação de limites para microcrédito no país

Homem de 51 anos é preso após tentar estuprar filha de 7 anos em Salto

Caixa detalha regras e calendário para saque de recursos do PIS e do FGTS