Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Vereador entra na Justiça contra mudança de destinação de terreno na avenida Ipanema

Arquivo
Postado em: 06/08/2020

Compartilhe esta notícia:

O vereador Rodrigo Manga (Republicanos) entrou, nesta quarta-feira (05/08), com ação popular com pedido de liminar, distribuída na Vara da Fazenda Pública Municipal, a fim de solicitar esclarecimentos e a revisão da decisão da Prefeitura de Sorocaba que, segundo ata de reunião do Conselho Municipal de Saúde (CMS), redefiniu o local para construção do novo Hospital Municipal da cidade, que passaria a ser o espaço do antigo Matadouro Municipal. Esta já é a terceira alteração de local desde 2012, quando o Poder Público se comprometeu a realizar a construção dessa nova unidade de saúde no município. 

Antes disso, o terreno definido era o da garagem da TCS (Transporte Coletivo de Sorocaba), na Avenida Ipanema, Zona Norte e, segundo o vereador, "agora destinado a se tornar garagem para os veículos do sistema BRT (Transporte Rápido por Ônibus) e que, na época, custou R$ 13,6 milhões aos cofres públicos para indenizar a desapropriação da área". A concordância com a mudança de localização se deu em reunião do CMS, realizada de forma extraordinária, no último dia 07/07. Isto ocorreu em resposta à solicitação do Secretário de Governo de Sorocaba, José Marcos Gomes Júnior, que pediu a manifestação do Conselho sobre o assunto.

Nas argumentações do secretário para o pedido de mudança pesa o fato de que “a atual área (na Avenida Ipanema) será destinada ao BRT, onde a empresa responsável pagará pela cessão onerosa da área, gerando receita ao município”. Na referida reunião, a Prefeitura estava representada pelo Secretário de Relações Institucionais, Maurício Mota.

Também nesta quarta-feira (05), após ser criticada por vereadores, a prefeita Jaqueline Coutinho se manifestou em suas redes sociais, dizendo que “a área da avenida Ipanema onde deveria ser construído um hospital municipal, promessa de outros governantes, continua pertencendo à Prefeitura de Sorocaba e está destinada à instalação da nova policlínica. O resto é Fake News”. “Não sou contra a policlínica, mas em nenhum documento é citado isso”, comenta o vereador Rodrigo Manga, sobre as recentes declarações da prefeita. 

O vereador esteve no último domingo (02/08) no endereço anteriormente destinado à unidade de saúde. “Este local foi desapropriado, na gestão anterior, para ser construído o Hospital Municipal de Sorocaba. Não foi. E já foram gastos, do dinheiro público pago pelo contribuinte, mais de R$ 13 milhões”, ele destaca no vídeo. Manga relata, também, que essa tentativa, de atribuir ao terreno a função de garagem do BRT, "já havia se repetido por três vezes durante o mandato do prefeito anterior. Isso somente não teria acontecido por negativa da Câmara Municipal". 

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Turma do ‘Mais Ginástica’ conta com aulas virtuais em Sorocaba

Polícia Militar abrirá concursos para preenchimento de 5.400 vagas de soldado

Inteligência artificial ainda não consegue escrever artigo para a New Yorker, conclui teste

Valor da taxa para processo seletivo de novos conselheiros tutelares é alterado

Sob pressão de ideológicos, Feder diz que recusa convite de Bolsonaro para o MEC

Mulher leva idoso morto ao banco para tentar sacar benefício