Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Controle de embarque e desembarque na rodoviária põe agentes a multar motoristas

Postado em: 07/01/2019

Compartilhe esta notícia:

Por decisão do prefeito José Crespo (DEM), que considera essencial a prestação de serviço de embarque e desembarque de passageiros, “não podendo sofrer interrupção”, desde o dia 1 de janeiro, a Secretaria de Mobilidade e Acessibilidade, por meio da Urbes – Trânsito e Transportes, passou a gerenciar, fiscalizar e controlar o tráfego de transporte do terminal Rodoviário de Sorocaba.

Quem não vem cumprindo as regras está sendo multado pelas equipes de Fiscalização de Trânsito e de Transporte que trabalham no local, contando também com o apoio da Guarda Civil Municipal.

Algumas medidas foram tomadas para a segurança na circulação dos usuários pelo local: o acesso à rodoviária pela Praça Castro Alves foi impedido, com a instalação de gradis, visto que os pedestres circulavam entre os ônibus na área de embarque, com chances de atropelamento. Para que a travessia seja feita com segurança, foram instaladas duas Faixas Vivas entre a Praça Castro Alves e o Terminal Rodoviário.

Ainda em janeiro, serão implantados dois postos fixos à Guarda Civil Municipal e às equipes da Urbes de Fiscalização de Transporte e de Trânsito.

O local de descarga de mercadorias, que antes era realizado em uma das plataformas de embarque de passageiros, foi transferida para a avenida Juscelino Kubitschek, ao lado do ponto de ônibus. Dessa forma, aquele local deixa de oferecer a opção de estacionamento para veículos com Vaga Rápida, possibilitando que os ônibus “voltem a fazer a parada de forma correta no local, realizando o embarque e desembarque dos usuários do transporte coletivo urbano de forma segura”.

As guaritas, até então desativadas, passam a ser base da Guarda Civil Municipal e da Urbes. A guarita da Urbes será base operacional para que a equipe de fiscalização de transporte possa acompanhar o embarque e desembarque de passageiros na rodoviária e para que a equipe de fiscalização, os agentes de trânsito (Amarelinhos), possam monitorar e implantar as alterações de trânsito no local. “A guarita da GCM trará mais segurança aos usuários da rodoviária e entornos”.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

TSE: apuração paralela dos votos é legal, mas deve ser vista com cautela

Batalha vencida na guerra contra o veneno

Disputa ao governo de SP tem empate técnico entre Doria e Skaf na 1ª posição

Falso policial que roubou casa de câmbio em Sorocaba é preso; DIG monitorava bandido

Presidente do TSE pede a Bolsonaro e Haddad 3 medidas contra fake news

PETS NO TRABALHO – Pesquisa aponta que brasileiros querem levar o cachorro para o trabalho