Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Suspeito de participar de homicídio da missionária Dorothy Stang é preso em Itapetininga

Foto: divulgação
Postado em: 14/04/2020

Compartilhe esta notícia:

Um homem procurado pela Justiça do Pará por crime de homicídio foi preso em Itapetininga, nesta noite de segunda-feira (13). 


Conforme a ocorrência, a Polícia Militar recebeu denúncia de que um homem suspeito de envolvimento no assassinato da missionária norte-americana Dorothy Stang, ocorrido em 2005 em Anapu, no Pará, estaria em Itapetininga no bairro Vila Nova Itapetininga. 


PMs do pelotão da Força Tática foram ao local e e encontraram o homem na frente da casa denunciada. Ao notar a presença das viaturas, ele tentou fugir e resistir à abordagem, mas foi detido. 


Em depoimento, ele negou participação no homicídio da missionária. No interior da residência foram localizados diversos documentos falsos ligados ao suspeito.


O homem foi conduzido à delegacia por haver contra ele um mandado de prisão expedido em 18 de julho de 2013, pela Terceira Vara Criminal de Marabá, cidade do estado do Pará. 

 

Dorothy Stang, que tinha 73 anos de idade quando foi morta, lutava pela reforma agrária na região sudoeste do Pará.  A irmã trabalhava com comunidades de Anapu em projetos de desenvolvimento sustentável. Ela foi assassinada a tiros em 12 de fevereiro de 2005 À época, o assassinato da irmã teve repercussão internacional. 

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Secretarias de Meio Ambiente e de Obras ganham novas sedes até o final de agosto

O DEDA QUESTÃO: vereadores resistem “às ordens” sucessivas dadas pelo prefeito

Temer pede reforço na segurança aos candidatos

Moro coordenará grupo de combate à corrupção na equipe de transição

Prefeitura busca parcerias para viabilizar atendimento às famílias em vulnerabilidade

Governo deve autorizar reajuste de 4% nos remédios apesar da pandemia