Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Secretaria da Saúde de Sorocaba afirma que município tem 84 casos suspeitos de Coronavírus

Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil
Postado em: 22/03/2020

Compartilhe esta notícia:

De acordo com boletim emitido no sábado (21) pela Vigilância Epidemiológica, da Secretaria Municipal de Saúde, a cidade de Sorocaba passou de 78 para 84 casos suspeitos de coronavírus, todos moradores de Sorocaba.

 

Os suspeitos estão sendo monitorados diariamente pela Vigilância Epidemiológica. Até o momento, além dessas suspeitas, 13 notificações foram descartadas pelo Instituto Adolfo Lutz (IAL), órgão estadual responsável pela emissão dos resultados dos exames da doença.

 

A partir de agora, entretanto, conforme determinação da Secretaria Estadual da Saúde, somente serão solicitados exames do novo coronavírus para pacientes suspeitos internados graves ou críticos e profissionais da área de saúde que apresentem sintomas de síndrome gripal.

 

O teste diagnóstico não deverá ser realizado em pessoas assintomáticas. Essas medidas buscam otimizar o bom uso desse recurso, cujos insumos estão restritos no mundo devido à situação pandêmica.


Neste momento são considerados como suspeitos todos os pacientes que apresentarem características de síndrome gripal. Ou seja, pessoa com febre e sintomas respiratórios, sendo que a febre pode não estar presente em alguns, como pacientes jovens e idosos, ou que esteja fazendo uso de medicamento antitérmico.

 

A orientação é que procurem uma unidade de saúde somente pessoas que percebam o agravamento dos sintomas, como falta de ar. Em situações menos complexas, é recomendado o isolamento domiciliar por até 14 dias.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Traficante cai de telhado ao tentar fugir de prisão da GCM

Câmara pode derrubar aumento de Crespo na tarifa do transporte

Se está sendo criticado, é sinal de que é a pessoa adequada, diz Bolsonaro sobre Eduardo

Valor da taxa para processo seletivo de novos conselheiros tutelares é alterado

Jovem morre após colidir moto na traseira de caminhão em rodovia

Bolsonaro defende redução da carga tributária no Brasil