Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Saae Sorocaba identifica local de despejo de produto químico que poluiu lago no Campolim

Foto: Saae
Postado em: 11/12/2020

Compartilhe esta notícia:

O Saae Sorocaba informou nessa última quinta-feira (10) que descobriu o local em que ocorreu o descarte de um produto químico que acabou poluindo o lago localizado no parque do Campolim.


O despejo irregular foi feito em uma boca de lobo localizado às margens da rodovia Raposo Tavares, na altura do KM 101, região do Campolim. Vestígios do mesmo material foram encontrados na tampa da rede de águas pluviais.

 

Segundo o Saae informou ao Ipa Online, equipes dos departamentos de esgoto e de drenagem foram acionadas para verificar uma grande mancha de um produto químico que surgiu no primeiro dos três lagos existentes no parque “Carlos Alberto de Souza” (Campolim).

 

As equipes foram divididas em duas frentes de trabalho: uma fazendo a sucção do material por meio de caminhões bombas e instalando uma barreira com mangueira plástica para que o material não se espalhasse para os demais lagos, visto que ele se encontrava apenas na superfície; e outra realizando buscas na região para descobrir onde ocorreu o despejo irregular e criminoso.

 

Amostras do material foram colhidas e estão sendo analisadas nos laboratórios da autarquia.

 

No período da tarde, os funcionários da autarquia percorreram prédios de apartamentos e comércios daquela região, solicitando imagens de câmeras de segurança. Essas imagens serão agora analisadas, com o objetivo de se identificar o caminhão que realizou o despejo. Cetesb e Secretaria do Meio Ambiente também acompanharam as ações, que são os órgãos que têm competência para aplicar as sanções cabíveis.


Conforme a Secretaria do Meio Ambiente e Sustentabilidade (Sema), técnicos da Seção de Controle e Fiscalização Ambiental e uma equipe da Patrulha Ambiental estiveram no local ontem, após ter recebido a denúncia, para acompanhar o caso. 


As primeiras intervenções com objetivo de conter o poluente foram efetuadas pelo Saae. A autuação do responsável pelo lançamento irregular do produto químico deverá ocorrer assim que a  identificação for feita pela Cetesb (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo), que também estava com um representante no local. 


Contudo, a Sema vai acompanhar o caso e auxiliar no que for preciso para contenção dos danos e identificação dos responsáveis. 


Caso alguém disponha de mais informações pode denunciar no canal de Ouvidoria da Prefeitura de Sorocaba ou pelos contatos: Telefone 156 e Whatsapp (15) 99129-2426, de segunda a sexta-feira em dias úteis das 8 h às 17h.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

35% dos bares e restaurantes do país já fecharam unidades definitivamente

Secretário Estadual de Saúde convoca voluntários para tratar casos de Covid

Retirado projeto que susta regulamento de Crespo sobre transporte por aplicativo

Homem morre e duas mulheres ficam feridas após colisão com cavalo em estrada de Votorantim

Justiça Eleitoral proíbe carros de som de Manga e fixa multa de R$ 5 mil

Os irmãos gêmeos João e Alberto Batista Ferreira - veja o artigo de Vanderlei Testa