Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Ricardo Salles acusa ministro Ramos de vazar informações: ‘#Mariafofoca’

Jovem Pan News
Postado em: 23/10/2020

Compartilhe esta notícia:

Jovem Pan News

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, utilizou suas redes sociais na noite de quinta-feira, 22, para acusar o ministro-chefe da Secretaria de Governo do presidente, Luiz Eduardo Ramos, de vazar informações para a imprensa. A acusação aconteceu depois que o jornal O Globo divulgou a matéria “Salles estica a corda com ala militar do governo e testa blindagem com Bolsonaro”. A nota afirma que integrantes do governo ficaram “surpreendidos” com anuncio do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) de que, por falta de recursos, toda a Brigada de Incêndio Florestal seria recolhida para as bases de origem a partir desta quinta. O texto afirma que a decisão jogaria pressão para a ala militar do governo e para o vice-presidente Hamilton Mourão, que chefia o Conselho Nacional da Amazônia em conjunto com o Ministério da Defesa, comandado pelo general Fernando Azevedo e Silva. Após a publicação, Salles se irritou e utilizou o Twitter para insinuar que os bastidores haviam sido vazados por Ramos.

“Tenho enorme respeito pela instituição militar. Como em qualquer lugar, infelizmente, há sempre uma maçã podre a contaminar os demais. Fonte de fofoca, de intriga, de conspiração e da discórdia. O problema é a banana de pijama”, tuitou o ministro do Meio Ambiente. Salles, no entanto, recuou e apagou a mensagem. Em seguida e em tom mais brando, tuitou novamente e marcou diretamente o ministro Luiz Ramos. “Não estiquei a corda com ninguém. Atuo da maneira que entendo correto. Chega dessa postura de #mariafofoca”, escreveu. Após a publicação, Salles compartilhou uma série de mensagens de apoio. “Força, Ministro. O Brasil está contigo e apoiando seu trabalho”, disse o filho do presidente, Eduardo Bolsonaro. “Ramos está fazendo vazamentos para a Globo para derrubar o Salles, e não é a primeira vez que isso ocorre”, afirmou um seguidor retuitado pelo ministro do MMA. Procurado pela Jovem Pan, Ricardo Salles ainda não se pronunciou.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Jovens vão plantar 300 árvores no bairro de Brigadeiro Tobias

Bolsonaro critica proposta sobre expropriação de terras; Mourão diz que é apenas um estudo

Olavo de Carvalho: ‘Se eu fosse guru do governo, nada disso estaria acontecendo’

Prefeitura assina protocolo com fábrica de alumínio que poderá gerar 60 empregos em Sorocaba

Novo secretário de Educação fala de seus projetos na Câmara Municipal de Sorocaba

Guarda Civil Municipal detém jovens com quase duas mil porções de drogas