Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Motoristas de app e taxistas divergem da Urbes e impasse sobre decreto municipal continua

Postado em: 24/08/2018

Compartilhe esta notícia:

Conforme compromisso assumido na reunião do último dia 13, o secretário de Mobilidade e Acessibilidade e presidente da Urbes, Luiz Alberto Fioravante, reuniu-se na manhã desta sexta (24) com os representantes dos motoristas por aplicativos particulares e dos taxistas de Sorocaba para discutir o decreto que regulamentou o serviço por aplicativos na cidade de Sorocaba.

O presidente da Associação de Sorocaba e Região dos Motoristas por Aplicativos Particulares, Rogério Cruz, afirmou ser favorável à regulamentação e apresentou três pontos que propô serem revistos e alterados no atual decreto: o primeiro ponto foi de não restringir as placas dos veículos para apenas de Sorocaba; o segundo foi impedir a limitação de vagas para os motoristas circularem e trabalharem na cidade e, por último, a desobrigação da apresentação de certidão negativa mobiliaria e imobiliária do motorista no cadastramento.

O presidente do Sindicato dos Taxistas Autônomos e Condutores Autônomos de Veículos Rodoviários de Sorocaba e Votorantim, Antônio Rodrigues da Silva, não concordou com a retirada da restrição das placas de Sorocaba e com a desobrigação da apresentação de certidões negativas.

Diante do impasse criado, ficou o prefeito José Crespo (DEM) responsável em analisar nos próximos dias as solicitações dos motoristas por aplicativos particulares e as objeções dos representantes dos taxistas e decidir o que será melhor para Sorocaba.

No início da próxima semana haverá nova reunião entre Crespo e todos os envolvidos para rediscutir as decisões a serem tomadas pelo Executivo.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Menino de 4 anos morre afogado em piscina no bairro Itapeva em Votorantim

Procon autua posto de combustíveis na avenida Dom Aguirre por irregularidades

Use seu tempo livre de forma inteligente

As mulheres de Sorocaba fazem história

Homem é preso duas vezes em menos de 24 horas por furto de veículo

Homicídios caem, mas taxa de adolescentes mortos se mantém no Estado