Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

6º lote de restituição do IR será pago nesta sexta a mais de 1 milhão de contribuintes

Postado em: 16/11/2018

Compartilhe esta notícia:

FOLHAPRESS

Os contribuintes que deixaram a malha fina do Imposto de Renda têm a chance de terem sido incluídos no lote que a Receita Federal paga nesta sexta (16).

Segundo o fisco, declaração enviadas até o dia 30 de outubro deste ano estarão no pagamento.

Ao todo, 1.142.680 pessoas receberão o dinheiro na conta-corrente informada no envio da declaração.

Do R$ 1,947 milhão pago, R$ 206.822.287,22 serão depositados aos contribuintes considerados prioritários. São 4.554 idosos acima de 80 anos, 35.235 com idade entre 60 a 79 anos, 4.750 contribuintes com alguma deficiência ou doença grave e 18.750 professores cuja fonte de renda principal seja o magistério.

Esse lote também tem a devolução de imposto pago a mais a contribuintes que deixaram a malha fina de anos anteriores. Todos os valores são corrigidos pela Selic, que é a taxa básica de juros da economia.

Quem corrigiu a declaração e não entrou nesse lote ainda tem o pagamento do mês de dezembro. Porém, é recomendável que o contribuinte acesse o extrato da declaração e confira o status de sua retificadora. Segundo o cronograma definido pela Receita, o sétimo e último lote de pagamento da restituição será em 17 de dezembro.

O motivo que mais leva contribuintes à malha fina do IR é a omissão de rendimentos. Isso pode acontecer, por exemplo, quando o aposentado ainda trabalha -e não incluiu uma dessas rendas.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Câmara aprova isenção de ISSQN para Cooperativas de Radiotáxi e prestadores de serviço de transporte escolar

Dia do Motorista é momento de reflexão sobre a mobilidade urbana

Câmara transmite audiência pública sobre metas fiscais na internet

Hospital de Campanha recebe mais seis respiradores; internações triplicam em Sorocaba

Novas parcelas do auxílio de R$ 300 começam a ser pagas nesta quarta

Sorocaba registra 103 novos casos da Covid-19 em 24 horas