Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Projeto para a redução do número de vereadores é aprovado em primeira votação em Iperó

Postado em: 04/12/2019

Compartilhe esta notícia:

O projeto de lei que propõe a redução de número de vereadores em Iperó, passando de 11 para 9 a partir da próxima Legislatura  (2021-2024), foi aprovado em primeira votação na terça-feia (3). Por 10 votos a 0, o resultado demonstrou o apoio dos vereadores à proposta.

Proposto pelos vereadores Luís Fernando Paula Leite, atual presidente da Câmara Municipal e Sérgio Poli Simon, o projeto também teve o apoio dos vereadores Edvani de Fátima Azevedo e Alysson Alessandro de Barros para que fosse encaminhado às comissões permanentes.

A redução se enquadra no Artigo 29, inciso IV, da Constituição Federal, onde um município do tamanho de Iperó pode ter entre 9 (mínimo estabelecido pela Constituição) e 13 vereadores (máximo de acordo com o porte do município).

“A Câmara Municipal tem priorizado ações com foco no uso racional do dinheiro público e na economia de gastos. A proposta para reduzir o número de vereadores é mais uma forma de alcançarmos esses objetivos e uma importante contribuição frente aos desafios econômicos e políticos atuais, pois também somos cobrados diariamente pela população.

O resultado da primeira votação reforça o compromisso dos vereadores com os iperoenses, pois todos os recursos economizados serão utilizados em benefício da nossa população e ainda permanecerão 9 vereadores atuando nas próximas Legislaturas”, comentou o presidente da Câmara, Luís Fernando Paula Leite.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

PM e GCM acabam com festa ilegal em chácara e cancelam baile funk clandestino

Assessorias a vítimas da lama de Samarco e Vale não saem do papel

Quadro de saúde do candidato Jair Bolsonaro é estável

Condutores são orientados sobre os riscos de beber e dirigir; ação ocorre nesta 6ª

Dupla de integrantes de facção criminosa é morta na rodovia Emerenciano Prestes de Barros, no Parque São Bento

Governo do estado faz acordo com supermercados para oferta de álcool em gel a preço de custo