Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Prefeitura implantará dispositivo para travessia segura de pessoas com mobilidade reduzida

Postado em: 23/01/2020

Compartilhe esta notícia:

Proporcionar mais segurança aos pedestres durante a travessia, especialmente àqueles que possuem mobilidade reduzida, e incentivar o caminhar como modo de deslocamento, cumprindo o que propõe o Plano Diretor de Transporte e Mobilidade Urbana (PDTUM) de Sorocaba. Esse é o objetivo do Travessia + Segura, programa encabeçado pela Prefeitura de Sorocaba e realizado pela Urbes – Trânsito e Transportes e Secretaria de Mobilidade e Desenvolvimento Estratégico.

Os detalhes técnicos foram apresentados à prefeita Jaqueline Coutinho na quarta-feira (22), durante reunião realizada no 6º andar do Paço. A ideia partiu da própria prefeita, que conheceu o sistema de travessia de pedestre de Curitiba-PR. Ali são utilizadas botoeiras inclusivas que aumentam o tempo para a travessia do pedestre que tenha alguma deficiência ou dificuldade de locomoção.

A botoeira é um acessório utilizado para o acionamento manual dos tempos para pedestres do controlador semafórico, visando facilitar as travessias. Com o dispositivo inteligente e inclusivo, é possível aumentar o tempo de travessia para as pessoas que possuem algum tipo de dificuldade na mobilidade. “O objetivo da implantação desse novo equipamento nos semáforos é dar mais segurança para as pessoas que precisam do olhar da inclusão em Sorocaba”, destacou a prefeita Jaqueline Coutinho, que completou: “Tão logo conheci sistema parecido em Curitiba, mas que naquela cidade o cidadão utiliza um cartão para acionar um tempo maior para travessia, pensei em adotar aqui em nossa cidade sistema de tecnologia inclusiva e que garanta maior segurança aqueles que possuem alguma deficiência ou mobilidade reduzida.”

De acordo com a resolução 704/2017 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), a botoeira é um dispositivo não-obrigatório nos cruzamentos semaforizados e que possuem travessia de pedestres. No entanto, quando instalado, a partir de outubro de 2017, a botoeira deve estar de acordo com o que prevê a resolução. A botoeira deve conter bip sonoro simultâneo para indicar a abertura ou fechamento do semáforo de pedestres, emissão de uma mensagem de voz gravada e escrita em braile. Outra medida importante prevista na resolução 704/2007 do Contran é que o local deve contar com piso podotátil e rampa para atender as necessidades das pessoas com deficiência visual ou mobilidade reduzida.

Sorocaba já possui sete cruzamentos com botoeiras sonoras: Rua São Bento x Padre Luiz, Rua Álvaro Soares x Rua Cel. Benedito Pires, Rua Sete de Setembro x Rua Padre Luiz, Rua Sete de Setembro x Rua Miranda Azevedo, Rua da Penha x Rua Padre Luiz, Rua Álvaro Soares x Ramo “A” do Terminal Sto Antônio e Av. Washington Luiz x Rua Barão de Piratininga, além do cruzamento da Rua da Penha com Barão do Rio Branco, que também ganhará a botoeira inclusiva. Todos ganharão o novo dispositivo e as adequações de acessibilidade necessárias.

Juntos, esses cruzamentos somarão 19 botoeiras. A escolha dos locais leva em consideração a priorização da mobilidade na região central e corredores com alta demanda de pedestres. A meta da Prefeitura de Sorocaba é que todos os equipamentos estejam em funcionamento até a primeira quinzena de março deste ano.

De acordo com o que propõe o PDTUM, tratar a questão do pedestre no contexto da Mobilidade Urbana significa propor facilidades ao modo mais importante para o funcionamento da cidade. Pesquisa de origem e destino realizada na cidade em 2013 detectou que cerca de 30% dos deslocamentos diários são feitos a pé. Caminhar é o único modal presente em todos os tipos de viagem, seja como modo principal, seja como modo complementar. Resumindo: em algum momento do dia, todos são pedestres

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Procon Sorocaba fiscaliza preço de máscaras cirúrgicas e álcool em gel em 60 farmácias

Menores vítimas de violência sexual costumam mostrar sinais

Mairinque testa funcionários do Pronto Atendimento sobre Coronavírus

Bolsonaro diz que liberação de FGTS passa por ajuste, mas deve ser anunciada nesta 5ª

Sorocaba registra 103 novos casos e 4 mortes pela Covid-19 em 24h

Mortes pela Covid-19 sobem para 235 em Sorocaba