Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Prefeitura fecha 25 bares, restaurantes e casas noturnas que descumpriram regras da quarentena em Sorocaba

Agência Sorocaba
Postado em: 21/12/2020

Compartilhe esta notícia:

A Prefeitura de Sorocaba fechou 25 estabelecimentos comerciais durante uma operação de fiscalização realizada na última semana em bares, restaurantes e casas noturnas. A operação foi realizada pela Secretaria de Segurança Urbana (Sesu) e em ação integrada da Guarda Civil Municipal (GCM), Fiscalização, Vigilância Sanitária e com o apoio da Polícia Militar, em cumprimento ao Decreto nº 26.006/2020 que restringe o horário de funcionamento, a venda de bebidas alcoólicas e o número de pessoas nesses locais, visando o combate à disseminação da Covid-19.

Dentre os 165 estabelecimentos visitados, 95 encontravam-se fechados em obediência às determinações do decreto municipal. Já entre os que estavam em funcionamento foram expedidas 18 notificações e cinco multas por falta de alvará, três notificações e cinco multas por obstrução do passeio, além de nove notificações e cinco multas por atividade geradora de poluição sonora.

A população também pode denunciar estabelecimentos que estiverem descumprindo as determinações do decreto quanto ao horário de funcionamento, medidas de distanciamento social e venda de bebidas alcoólicas em desacordo com a lei, ou ainda eventos que resultem em aglomeração de pessoas.  As denúncias para a Vigilância Sanitária podem ser feitas por meio do canal 156 ou pelo site da Prefeitura: http://www.sorocaba.sp.gov.br/atendimento.Também é possível registrar a ocorrência pelo WhatsApp da Ouvidoria Geral do Município pelo número (15) 99129-2426, das 8h às 17h.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Câmara derruba projeto de Crespo para terceirização do CIC

Carrefour anuncia fundo de R$ 25 milhões para combate ao racismo no país

Campeã do Carnaval 2019 em Sorocaba será conhecida nesta quinta-feira

Jean Wyllys deveria ter ficado no Brasil para a gente protegê-lo, diz Mourão

Flexibilizar emprego pode compensar desoneração sem precisar criar imposto, diz Maia

Piedade decreta situação de emergência após rompimento de reservatório de água