Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Prefeitura embarga obra de novo acesso à avenida Dom Aguirre por falha na execução do serviço

Postado em: 18/10/2019

Compartilhe esta notícia:

A Secretaria de Conservação, Serviços Públicos e Obras (Serpo), da Prefeitura de Sorocaba, embargou a obra de implantação do novo acesso da avenida Pereira da Silva à pista centro/bairro da avenida Dom Aguirre. O embargo – que é uma determinação para que os trabalhos sejam paralisados – aconteceu por conta de a empreiteira contratada para executar a obra não ter atendido aquilo que está previsto no memorial descritivo quanto à implantação do pavimento, conforme previsto pela ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) e DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes).

A obra de construção desse novo dispositivo está sendo executada pela RMS Locações e Serviços, num processo de mitigação da rede Barbosa Supermercados, portanto, sem custos para a Prefeitura de Sorocaba.

De acordo com o descrito na notificação encaminhada pela Serpo à empresa RMS, os fiscais da Secretaria verificaram que a massa asfáltica aplicada quinta-feira no novo traçado do acesso foi espalhada “manualmente com rastelo, com auxílio de uma retroescavadeira e compactado apenas com um rolo chapa liso pequeno”. Pelo memorial descritivo da obra, a massa asfáltica deveria ser espalhada com “vibro acabadora e compactada com rolo pneus e rolo chapa”.

A Serpo explica que, por se tratar de um local por onde passará tráfego pesado, é necessário que o trabalho de aplicação da massa asfáltica seja feito obedecendo às recomendações dos órgãos reguladores, como a ABNT e DNIT. Após o embargo da obra – que não teve qualquer movimentação nesta quinta-feira (17) – a Secretaria – que é a responsável pela fiscalização do serviço – manteve contatos com representantes do Barbosa Supermercados (responsável pela contratação da empreiteira RMS) para que fossem adotadas as medidas necessárias para que os trabalhos fossem executados exatamente conforme o previsto no memorial descritivo da obra. O comprometimento da estrutura, se constatado, é feito a evacuação.

A previsão de retomada da obra é a próxima terça-feira (22). A empresa contratante disse que disponibilizará os equipamentos previstos em contrato.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Comissão de vereadores vai acompanhar “super contas” do Saae

Bolsonaro mostra cicatriz de cirurgia na TV para dizer que facada não foi fake

Jovem de 19 anos usava chácara do Júlio de Mesquita para guardar drogas

Feriadão da Proclamação da República registra 75 mortes e mais de mil feridos nas rodovias federais

PMs ajudam gestante em trabalho de parto dentro de carro na avenida Itavuvu

Não fomos criados para viver só