Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Pessini é o quinto vereador contaminado com a Covid-19; Câmara reforça medidas de segurança

Arquivo
Postado em: 06/12/2020

Compartilhe esta notícia:

O vereador Hudson Pessini (MDB) teve o diagnóstico positivo da Covid-19 confirmado e está em isolamento em sua residência, em recuperação. O parlamentar, que é presidente da Comissão de Economia do Legislativo, não participou da votação do Orçamento 2021 na última quarta-feira (2), pois já apresentava o quadro da doença. A Câmara Municipal sofre novo surto da doença e reforçou as medidas de segurança. 

"Cheguei a ser hospitalizado, estou com perda de parte da capacidade pulmonar e meu paladar está bastante afetado, mas já estou isolado em casa, medicado e me recuperando", publicou o parlamentar em uma rede social. "A doença é traiçoeira e acreditem, os sintomas são pesados. Não baixem a guarda. Vamos dar a volta por cima, como sempre fazemos", concluiu.

Pessini é o quinto parlamentar com diagnóstico positivo da doença, e o terceiro que precisou de hospitalização. Rodrigo Manga (Republicanos) e Renan Santos (PDT) passaram pela doença sem sintomas graves, enquanto José Francisco Martinez (PSDB) e Luiz Santos (Republicanos) chegaram a ser internados na UTI devido à complicações no quadro.

Na última quinta-feira (03), a Mesa Diretora reforçou as medidas de segurança, tendo em vista a constatação, por parte da Vigilância Epidemiológica, de um novo surto de Covid-19 na sede do Legislativo e o estado de calamidade decretado no município pelo Executivo.

De acordo com o Ato da Mesa nº 64/2020, o horário de funcionamento da Câmara Municipal passou a ser das 8h às 14h até nova avaliação da Vigilância Sanitária. As Sessões Ordinárias e Extraordinárias continuam a ser realizadas presencialmente, sendo as ordinárias às quartas-feiras no horário regimental. Já as Sessões Solenes e Audiências Públicas estão suspensas e a entrada do público externo ao prédio da Casa de Leis fica vedada temporariamente.

A Câmara Municipal receberá documentos externos pelo e-mail protocolotemporario@camarasorocaba.sp.gov.br, para que os servidores procedam com o protocolo. Para documentos entregues pessoalmente no prédio do Legislativo, os mesmos serão recebidos na portaria e protocolados posteriormente por um servidor.

O Ato ainda determina que todos os setores do Legislativo deverão fazer revezamento na escala de trabalho dos servidores, entre presencial e teletrabalho, para evitar aglomeração nas dependências da Câmara Municipal. Deverão ser dispensados da presença servidores, vereadores ou terceirizados com idade a partir de 60 anos, grávidas ou que tenham alguma condição de saúde que exija cuidados especiais, atestando a impossibilidade de trabalho com laudo médico especificamente relacionado ao covid-19, subscrito pela médica do trabalho da Câmara Municipal.

Uma nova testagem da Covid-19 está prevista para ser realizada pela Vigilância Epidemiológica de Sorocaba nos próximos dias com todos os vereadores, servidores e funcionários terceirizados do Legislativo.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Sorocaba contra o Linfoma

Óbitos pela Covid-19 chegam a 61 em Sorocaba e 73 novos casos são registrados no sábado

Crespo não consegue liminar em Sorocaba e apelará ao Tribunal de Justiça na capital

Polícia Ambiental tenta resgatar garça que está com lacre preso no bico

SP faz bloqueios em avenidas a partir desta segunda (4) para forçar isolamento

Brasil tem 1.086 novas mortes por coronavírus e total de óbitos passa de 25 mil