Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Obra de interligação do Supiriri na avenida Dr. Afonso Vergueiro entra na etapa final

Foto: Divulgação/Saae Sorocaba
Postado em: 22/01/2020

Compartilhe esta notícia:

Com o assentamento das últimas doze aduelas de concreto de 4 x 2 metros cada, e a concretagem da laje que fecha a estrutura naquele ponto, a intervenção de interligação do novo canal do córrego Supiriri ao antigo está entrando em sua etapa final, nas proximidades do cruzamento da avenida Dr. Afonso Vergueiro com a rua Professor Toledo, região central da cidade.

 

A previsão do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) e da empresa contratada, Melhor Engenharia, é de que até o final da próxima semana os trabalhos naquele ponto sejam encerrados, com a liberação da pista esquerda da Afonso Vergueiro, sentido centro-bairro, que se encontra interditada para a realização da obra, gerando um afunilamento do tráfego de veículos naquela região.

 

A novidade é que não haverá a necessidade da realização da segunda etapa, com a interdição da pista da direita, como inicialmente estava previsto, visto que o canal antigo, sob as pistas da avenida, foi encontrado em posição anterior ao que constava nos projetos antigos, e desta forma ele foi alcançado pelo novo canal sem que fosse necessário cruzar toda a pista centro-bairro.

 

Assim que esta primeira interligação estiver concluída, imediatamente terá início a segunda e última interligação do novo canal ao antigo, na extremidade oposta, já dentro do empreendimento Centro Comercial Cheda, logo após o cruzamento com a avenida Dr. Eugênio Salerno.

 

Em seguida, finalizando as intervenções, haverá a reconstrução do canteiro central da Afonso Vergueiro, incluindo o projeto paisagístico, com o replantio de árvores e plantas ornamentais.

 

As obras de adequação da canalização do córrego Supiriri estão sendo necessárias após a autarquia detectar que um trecho do canal antigo, numa extensão de 340 metros, formava um “estrangulamento”, provocado por duas linhas de tubos de apenas 1,50 metro de diâmetro, insuficientes para a drenagem necessária em períodos de chuvas intensas, situação responsável pelos alagamentos na região da vila São João. Desta forma, foi justamente esse trecho de 340 metros que a autarquia substituiu, implantando um novo canal com seção inteira de 4 x 2 metros.

 

O investimento do município nesta obra é de R$ 4 milhões, com 80% desse total sendo provenientes de recursos do Fundo Estadual de Recursos Hídricos (Fehidro), e os demais 20% de contrapartida da autarquia.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Manga protocola pedido de CPI para apurar precariedade no acolhimento de crianças

Moro quer viabilizar retorno de publicidade dirigida a crianças

Secom faz entrega de ferros de passar roupa a casais do Casamento Comunitário

Prefeito é flagrado no Uruguai e desperta a ira de vereadores de comissão

Bandidos invadem sítio e matam homem de 28 anos a tiros durante assalto

Transporte por app e Zona Azul lideram PLs a serem votados pelos vereadores nesta 5º