Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Mutirão contra a dengue remove mais de uma tonelada de criadouros

Foto: Divulgação/Secretaria de Comunicação
Postado em: 27/01/2020

Compartilhe esta notícia:

O mutirão realizado pela Secretaria da Saúde (SES) da Prefeitura de Sorocaba, por meio da Divisão de Vigilância Epidemiológica e Zoonoses, removeu, no sábado (25), 1.690kg de criadouros do mosquito Aedes aegypti.

 

A ação também visitou 1.518 imóveis e foram identificadas larvas em 20 casas, além de três moradias que receberam notificação de adequação. Trabalhos de arrastão, visita casa a casa e bloqueios de casos foram feitos nos bairros Simus e Cidade Jardim, localidade com maior concentração de casos confirmados de dengue.

 

Segundo a chefe da Divisão de Vigilância Epidemiológica e Zoonoses, Thais Buti, o Poder Público necessita urgente da colaboração e conscientização da população para combater o mosquito. “Sabemos da possibilidade de uma nova epidemia de dengue na cidade este ano, e por esse motivo, estamos intensificando cada vez mais nossos trabalhos. Sem a ajuda da população, a doença vai ganhar força em Sorocaba”, alerta.

 

Thais também lembra que desta vez, o vírus em circulação é o sorotipo 2 da doença, ou seja, quem pegou dengue na grande epidemia de 2015 (época da circulação do sorotipo 1), poderá pegar novamente e com maior letalidade.

 

Durante o mutirão, com o uso de três caminhões, houve a coleta e remoção massiva de recipientes que acumulam água, serviço mais conhecido como “arrastão” que tem como objetivo diminuir a infestação do mosquito.

 

Na visita casa a casa, 40 agentes foram até os imóveis vistoriar os espaços e promover a conscientização e orientação da população, além da busca ativa de novos pacientes que apresentassem sintomas.

 

De acordo com a SES, até o momento, Sorocaba registrou 47 casos confirmados de dengue (28 autóctones, 18 importados e um indeterminado) e um caso importado de chikungunya da cidade do Rio de Janeiro. Não há casos confirmados de febre amarela e zika.

 

Em relação aos casos de dengue, ainda há 48 novas notificações em investigação.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Com sarcasmo, diplomata liberal brasileiro faz sucesso nas redes e diz que polarização é excelente

Estudante de 20 anos morta em acidente com van de universitários era fotógrafa em Sorocaba

Governo admite que publicou assinatura de Moro na exoneração de Valeixo sem autorização

Bolor em teto de CEI faz bebê de 1 ano e 8 meses sofrer com alergia respiratória

Homem é preso com mais de 2,2 mil porções de maconha sintética

Justiça determina que empresas parem de vender disparo em massa no WhatsApp na eleição