Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Mulher se tranca em casa e aciona Botão do Pânico contra ex-marido agressor

Postado em: 13/09/2019

Compartilhe esta notícia:

A Guarda Civil Municipal prendeu, durante a madrugada desta sexta-feira (13), um homem que descumpriu a ordem de medida protetiva adquirida por sua ex-esposa.

Conforme a ocorrência, por volta das 2h50, a GCM foi acionada pelo Botão do Pânico para ir até à casa da vítima, localizada na Zona Leste de Sorocaba.

Ao chegar no local os guardas encontraram a vítima e seus familiares trancados dentro da casa e flagraram A.D.F. de 48 anos, escondido no quintal da residência, ao qual foi abordado e detido.

Diante dos fatos, o homem foi conduzido até a Delegacia de Defesa da Mulher – DDM para elaboração do boletim de ocorrência, onde foi autuado em flagrante delito por descumprimento da medida protetiva judicial, sendo encaminhado ao Sistema Prisional.

Segundo caso na semana

Na manhã de quarta-feira (11), a Guarda Civil Municipal (GCM), por meio do Patrulhamento de Motocicletas, deteve G.S., de 42 anos, quando ele invadiu a residência da ex-mulher para ameaçá-la. Contra ele havia uma medida protetiva judicial.

Uma equipe foi acionada pelo Centro de Operações e Inteligência (COI) para atender o acionamento do Botão do Pânico situado na Zona Norte de Sorocaba.

A vítima relatou aos guardas que estava dentro da casa quando o ex-marido pulou o muro. Uma equipe da GCM, chegando ao local, deteve G.S. na residência.

O homem foi conduzido à Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) para elaboração do boletim de ocorrência, sendo autuado em flagrante delito por descumprimento da medida protetiva judicial, ficando à disposição da justiça.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

“Servidão Humana” estreia no Teatro Escola Mario Pérsico

Vereadora Iara Bernardi denuncia apostilamento ao Ministério Público

Relator no STF vota pela legalidade de inquérito sobre fake news

Deputado sorocabano assina pedido de impeachment contra governador João Doria

Investigados por fake news e ataques ao STF reagem à corte e miram Alexandre de Moraes

Caixa paga abono salarial para nascidos em outubro