Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Máscara é último tabu a cair, diz Bolsonaro sobre prevenção contra a Covid-19

Foto: Pedro Ladeira/Folhapress
Postado em: 27/11/2020

Compartilhe esta notícia:

Julia Chaib, FOLHAPRESS


O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) referiu-se nesta quinta-feira (26) ao uso de máscaras e disse que este é este é "o último tabu a cair" em relação às medidas para evitar a propagação do coronavírus.


Antes de falar sobre o uso de máscaras, o presidente mencionou um estudo a respeito da hidroxicloroquina segundo o qual o remédio, que Bolsonaro insiste em recomendar para o combate a Covid-19 sem embasamento científico, não causaria arritmia.


O texto citado, contudo, contraria pesquisas e a posição de especialistas, que alertam para os riscos da administração do medicamento, entre eles a possibilidade de aparecimento de problemas cardíacos.


O presidente mencionou a pesquisa para questionar estudos sobre efeitos colaterais do produto. Em seguida, Bolsonaro questionou a eficácia do uso de máscaras para conter o coronavírus.


"A questão da máscara, ainda vai ter um estudo sério falando sobre a efetividade da máscara... é o último tabu a cair", afirmou.


O presidente deu a declaração durante transmissão ao vivo nas redes sociais. Diversos estudos científicos, entretanto, comprovam a eficácia do uso de máscara para reduzir o contágio.


No início da live, Bolsonaro ainda disse que a prática de atividades físicas diminuem as chances de infecção pelo vírus. Ele lembrou de quando disse que caso fosse acometido pela doença "sentiria pouco" pelo "histórico de atleta" e citou dados para reclamar de que foi alvo de "gozação" por causa da frase.


Bolsonaro também negou ter se referido ao coronavírus como uma "gripezinha" embora tenha tratado a doença desta forma em diversas declarações públicas. Uma das ocasiões em que ele usou o termo foi em março: "Depois da facada, não vai ser uma gripezinha que vai me derrubar".


Além de colocar em xeque o uso das máscaras e defender a hidroxicloroquina mesmo sem provas de que o remédio seja eficaz no tratamento contra o coronavírus, Bolsonaro sempre criticou o isolamento social, medida recomendada por especialistas para evitar a propagação da Covid-19.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Mulher aciona “botão do pânico” para ex-marido na Zona Norte; suspeito foi preso

Polícia prende 38 pessoas em rinha de cães na Grande SP

Polícia encontra mais de mil galos de rinha em galpões da zona sul de São Paulo

Procurado por homicídio ocorrido em Pernambuco é morto a tiros na região de Sorocaba

Convocação para atos pró-democracia ganha força, mas ideia divide grupos

Prefeitura divulga novos cronogramas dos concursos da Educação em Sorocaba