Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Leitos para covid-19 continuam lotados na Santa Casa, diz padre Flávio

Foto: divulgação
Postado em: 28/07/2020

Compartilhe esta notícia:

Os leitos de UTI destinados a pacientes com covid-19 continuam lotados na Santa Casa de Sorocaba, informou o gestor da unidade padre Flávio Miguel Júnior, durante o Jornal da Manhã, da Jovem Pan Sorocaba, edição desta terça-feira (28). 

O hospital registrou a 100ª morte de paciente por coronavírus semana passada.


"A situação continua com lotação máxima, no entanto não temos alguém esperando para UTI covid-19. Ficamos com os 40 leitos ocupados", disse o padre. 


"Até hoje, em toda essa pandemia, não tivemos estado de calamidade pública. Não registramos pessoas morrendo nas ruas, aguardando internação", relatou. "Não vejo um colapso no sistema de saúde".


O gestor do hospital disse também que leitos de UTI destinados a pacientes que não sejam coronavírus também estão ocupados. "Nossas outras duas UTIs para outras patologias de saúde estão lotadas, pois continuam problemas como pneumonia, problemas de AVC, cardiológicos". 


Nesta segunda-feira (27), registraram ocupação máxima em leitos de UTI para covid-19 os hospitais particulares Evangélico (12 leitos) e Unimed (18 leitos). O Conjunto Hospitalar de Sorocaba registrou 100% de ocupação em seus leitos clínicos destinados à doença. O Hospital Adib Jatene ficou com ocupação acima de 93% em leitos de UTI. 


Padre Flávio opinou que Sorocaba já está em situação de platô em casos do novo coronavírus. "É uma situação em que estamos nesse platô estável e esperando o quanto antes que comece a cair a partir do fim de agosto, início de setembro já tenhamos um declínio", comentou.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Paço quer gastar mais de R$ 1,5 mi para gerenciar ‘crises de imagem’ de Crespo

Carnaval 2020: blocos saem às ruas de Sorocaba para fazer a festa na cidade

Prazo para limpeza e higienização das sepulturas no Cemitério Municipal termina nesta quarta-feira

Mercado de coworking cresceu 48% em 2018; em 2017 o segmento movimentou R$ 127 milhões no país

Manicure é presa por dupla tentativa de homicídio; atacou o ex-marido e idoso

Com salários atrasados, funcionários de Casas Terapêuticas protestam na Câmara