Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Justiça condena ex-diretores e gerente da Santa Casa por associação criminosa

Postado em: 27/11/2018

Compartilhe esta notícia:

O juiz Jayme Walmer de Freitas, da 1ª Vara Criminal de Sorocaba, condenou os ex-diretores da Santa Casa de Sorocaba (SP), José Antonio Fasiaben, Ademir Lopes Soares e, a ex-gerente do convênio Santa Casa Saúde, Selma Aparecida Durão, pelos crimes de associação criminosa e estelionato. Todos podem recorrer em liberdade.

O processo é referente a crimes cometidos entre 30 de abril de 2014 e 15 de agosto de 2016.

Segundo o juiz, os réus associaram-se de forma permanente e estável com o objetivo específico de cometer crimes. Na sentença, Fasiaben é considerado o líder do esquema.

A pena de Fasiaben e Ademir foi de três anos cada por associação criminosa e cinco anos cada um por estelionato. Ambos em regime fechado. Enquanto Selma foi condenada a quatro anos de prisão em regime semiaberto, sendo dois por estelionato e dois por associação criminosa.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Instituto Dr. Miguel Soeiro realiza campanha em prol da população carente

Papa Francisco admite que padres e bispos abusaram de freiras

Remédios terão reajuste de até 5,2%, após aval de Bolsonaro

Pacientes curados da Covid-19 na Santa Casa são homenageados ao deixar hospital

Para Mourão, depoimento de porteiro não derruba, mas perturba governo Bolsonaro

Jaqueline autoriza três novos serviços a abrir, mas nega flexibilização da quarentena e recomenda uso de máscaras