Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Instituto Butantan inicia produção de um milhão de doses da CoronaVac por dia

Jovem Pan News
Postado em: 10/12/2020

Compartilhe esta notícia:

Jovem Pan News

O governo do Estado de São Paulo anunciou, nesta quinta-feira, 10, que o Instituto Butantan iniciou, na última quarta-feira, 9, a produzir doses da CoronaVac com os 600 litros de insumos que chegaram da China na última semana. De acordo com o governador de São Paulo, João Doria, a capacidade de produção do laboratório é de um milhão de doses por dia. Para isso foram contratados mais 120 técnicos para reforçar a produção, que se juntam aos 245 funcionários já envolvidos. “O Butantan mais uma vez sai à frente e começa a produzir, no Brasil, uma vacina que vai salvar milhões de brasileiros”, disse Doria.

Segundo o governador, 12 estados já formalizaram a solicitação da vacina e 912 municípios indicaram interesse — sendo que 276 também oficializaram. O Estado de São Paulo anunciou o Plano Estadual de Imunização na última segunda-feira, 7, e vai oferecer 4 milhões de doses da CoronaVac para outros lugares do país. “São Paulo não cruza os braços e vai ajudar todos os estados e municípios que solicitarem a vacina“, declarou. O diretor no Instituto Butantan, Dimas Covas, anunciou que essa é a primeira vacina contra a Covid-19 produzida em solo nacional. “É um orgulho de todos nós. Fruto do esforço que realizamos desde o começo do ano, fruto da batalha que temos travado todo esse tempo — algumas muito doloridas, porque atingem a credibilidade desse Instituto”, afirmou.

Dimas citou nomes como Vital Brazil, Adolfo Lutz e Emílio Ribas, que marcaram o Butantan. “Em sua historia, esses grandes cientistas e tanto outros tiveram, em sua vida profissional, a possiblidade e disposição de enfrentar outras epidemias”, completou ao citar a peste bubônica, a poliomielite, a febre amarela e o H1N1. A fábrica do Butantan em São Paulo tem 1.880 m² de área produtiva e atualmente produz 120 milhões de doses, por ano, das vacinas da raiva, HPV, Hepatite A, Hepatite B, influenza trivalente, H1N1 e DTPa, além de 13 soros. O espaço conta com duas máquinas de envase e recrave dos frascos, duas inspetoras automáticas de frascos e duas linhas de embalagem.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Pressão de filhos cria impasse sobre futuro de Bolsonaro no PSL

Totens nos pontos de ônibus do BRT Sorocaba indicam local exato onde motorista deve parar

Ouvidoria de Sorocaba registra 71 ocorrências sobre focos de dengue em abril

Prefeitura busca viabilizar auxílio emergencial para condutores de veículos escolares

Pré-candidato a prefeito, Anselmo Neto promete diminuir número de secretarias municipais

Éguas de Salto de Pirapora disputam, nesta sexta, final do hipismo do Pan Americano