Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Vídeo mostra o estrago em caminhão após queda de helicóptero

Postado em: 11/02/2019

Compartilhe esta notícia:

A aeronave que caiu e causou a morte do jornalista Ricardo Boechat, de 66 anos, bateu na parte dianteira de um caminhão que transitava pela Rodovia Anhanguera. O acidente ocorreu por volta das 12h desta segunda-feira (11).

De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, o acidente ocorreu perto do quilômetro 7 do Rodoanel, sentido Castelo Branco. Além de Boechat, foi confirmada também a morte do piloto da aeronave.

O jornalista trabalhava atualmente no Grupo Bandeirantes de Comunicação, apresentando dois programas diários, “A Notícia”, com Ricardo Boechat, um matinal na rádio BandNews FM, e o “Jornal da Band” à noite, na TV Bandeirantes. Ele tinha também uma coluna na revista semanal Istoé. Boechat é ganhador de três prêmios Esso. É também o maior ganhador do Prêmio Comunique-se.

Foram feitas interdições parciais nas pistas do Rodoanel, sentido Perus, ​e da Anhanguera, sentido Jundiaí. A concessionária ​CCR Rodoanel, que administra o trecho oeste do Rodoanel, informa que os motoristas têm como opção acessar a Anhanguera sentido São Paulo e pegar um retorno no quilômetro 18 para seguir sentido Jundiaí.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Bolsonaro sanciona lei que permite internação forçada de usuários de drogas

Gastos da maioria dos órgãos fora do Executivo crescem além do teto

Idosa de 80 anos morre atropelada ao tentar atravessar rodovia SP-250

Novo filme da franquia de terror “Halloween” traz de volta vilão Michael Myers

Alunos da Rede Municipal terão de cantar hinos Nacional e de Sorocaba às segundas

Com Moro, indústria articula reduzir número de sindicatos