Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Grupo aparece com faixas “Lula Livre” e “Fora Bolsonaro” durante Greve geral

Postado em: 14/06/2019

Compartilhe esta notícia:

Alguns manifestantes que estavam na praça Coronel Fernando Prestes, nesta manhã de sexta-feira (14), dentro da Greve Geral, apareceram com faixas “Lula Livre” e “Fora Bolsonaro”.

O Ato Público realizado nesta sexta é contra a Reforma da Previdência, cortes na área da Educação e o governo do presidente Jair Bolsonaro.

width=1280 width=1280 width=960

Por volta das 10 horas, a praça central de Sorocaba registrava aproximadamente dois mil manifestantes, entre eles integrantes de sindicatos e trabalhadores do transporte público, professores estaduais, servidores públicos, funcionários de banco, da área de segurança e estudantes.

Uma grande faixa vermelha contra Bolsonaro e a favor da liberdade do ex-presidente Lula, preso em Curitiba, foi levada pelo PCO (Partido da Causa Operária).

Alguns apoiadores do protesto também distribuíram panfletos contra o Governo Bolsonaro. Também de autoria do PCO, o informativo contém fotos de Lula e do presidente e convocava, para 8 de junho, uma plenária para organizar a Greve Geral, realizada nesta sexta em todo o país.

Sorocaba acordou sem transporte público nesta sexta. A Prefeitura de Sorocaba, por meio da Urbes – Trânsito e Transportes, foi notificada da liminar concedida em processo que ajuizou contra o Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviários de Sorocaba e Região determinando 70% da frota circulando nos horários de pico e 50% no restante do dia e em caso de descumprimento, estipulou multa no valor de 5 mil reais por trabalhador que descumprir a decisão judicial. Caso o número de trabalhadores se confirme, o valor da multa a ser aplicada será de aproximadamente 5 milhões.

width=1280

width=1048
Motoristas de ônibus chegam na praça Coronel Fernando Prestes para protesto / Foto: Matheus Gonçalves

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Lançamento de projeto multidisciplinar

Linha de publicidade do governo mudou, diz Bolsonaro sobre veto a campanha do BB

OMS: 800 mil pessoas se suicidam todos os anos, uma a cada 40 segundos

Trabalhador rural é preso suspeito de matar idoso em Piedade

Câmara encerra sessão e votação de empréstimo de Crespo fica para 5ª

Parques ecológicos são opções de lazer para o feriado do Ano Novo